Valadares em vantagem frente ao Albergaria na Taça de Portugal

Equipa de Gaia venceu por 1-0 na primeira mão das meias-finais

• Foto: Arquivo/José Reis (Movephoto)

O Valadares Gaia recebeu e venceu o Cube de Albergaria, por 1-0, este sábado, na primeira mão das meias-finais da Taça de Portugal de futebol feminino, tendo Lúcia Alves marcado o golo solitário, aos 60 minutos.

O golo aconteceu na sequência de um livre e Lúcia Alves, que foi a melhor jogadora em campo, surpreendeu a defesa contrária com um golpe de oportunidade, a que juntou a sua velocidade, para bater a guarda-redes Sara Oliveira.

O Valadares começou bem, tomou conta do jogo e ganhou dois cantos seguidos aos cinco minutos, na sequência de um bom ataque lançado pelo flanco direito.

Fruto da sua pressão e capacidade para recuperar a bola ainda no meio-campo do Albergaria, a equipa de Vila Nova de Gaia manteve o domínio durante 20 minutos e só depois e que sentiu as primeiras dificuldades defensivas.

Daniela Silva, aos 22 minutos, isolou-se, rematou e o que então valeu ao Valadares foi a atenção da sua guardiã, Neide Simões, que defendeu com os pês e cedeu canto, o primeiro para os visitantes.

Na sequência desse canto, a central Patrícia Sousa, do Albergaria, cabeceou forte e quase marcou, com a guarda-redes local já batida.

A segunda parte foi mais aberta, mas o Albergaria manteve-se seguro na defesa e a viver das acelerações de Daniela Silva, uma esquerdina que pecou principalmente por não definir bem as situações de perigo que foi criando.

Lúcia Alves desfez a igualdade aos 60 minutos, no seguimento de um livre em que a defesa do Albergaria foi surpreendida pelo inconformismo e grande sentido de oportunidade que a atacante do Valadares revelou.

A equipa do distrito de Aveiro pagou caro o único erro grave que a sua defesa cometeu, uma vez que até tinha estado quase sempre bem a fechar os caminhos para a sua baliza, tanto que Sara Oliveira teve pouco trabalho.

Jéssica Pastilha forçou Sara Oliveira a uma enorme defesa para canto, aos 71 minutos, e Daniela Silva, isolada, teve o empate no seu pé esquerdo aos 87 minutos, mas o seu remate foi para fora.

Jogo realizado no Complexo Desportivo de Valadares, em Vila Nova de Gaia

Valadares Gaia - Clube de Albergaria, 1-0.

Ao intervalo: 0-0.

Marcadora:

1-0, Lúcia Alves, 60 minutos.

Equipas:

- Valadares Gaia: Neide Simões, Sara Monteiro, Raquel Gomes, Inês Barge (Cheganças, 70), Marina Campino, Riat Machado, Leandra Ferreira, Carolina Rocha (Bruna Rocaha, 70), Micaela Matos, Cláudia Lima (Andreia Freitas, 64) e Lúcia Alves.

(Suplentes: Cláudia Rocha, Bruna Rocha, Cheganças, Maria Dias, Andreia Freitas, Cristina Ferreira e Filipa Rodrigues).

Treinadora: Mara Vieira.

- Clube de Albergaria: Sara Oliveira, Patrícia Oliveira, Patrícia Sousa, Carolina Luís Silva, Sara Santos, Rita Coutinho, Jessica Pastilha, Inês Santos (Patrícia Sá, 72), Joana Baptista, Daniela Silva e Noémia Baptista.

(Suplentes: Marta Fernandes, Susana Silva, Mariana Ferreira, Ana Vilela, Patrícia Sá e Vivina Gouveia).

Treinadora: Paula Pinho.

Árbitra: Bárbara Domingues (A.F. Viana do Castelo).

Ação disciplinar: cartão amarelo para Jéssica Pastilha (61) e Lúcia Alves (64) e Carolina Luís Silva (75).

Assistência: cerca de 300 espetadores.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Futebol Feminino

Notícias

Notícias Mais Vistas