Record

Exigência máxima

Carlos Pinto elogia Hugo Almeida e assume que os estudantes querem entrar a ganhar na 2.ª Liga

• Foto: Bruno Teixeira Pires

Com o jogo frente à Oliveirense, que marca a estreia da Académica na 2ª Liga, no pensamento, Carlos Pinto, técnico academista, analisou também os últimos episódios ocorridos na academia dos estudantes, desde a relação com a direção ao caso João Real/Zé Castro. "A minha relação com esta direção não é boa, é muito boa. É perfeita. Nada aqui é feito sem ser em sintonia", começou por dizer o técnico academista, analisando depois a reintegração de João Real e a saída de Zé Castro.

O João foi reintegrado, tal como o João Simões. Têm um desempenho fantástico e desejo que façam uma boa época. Em relação a Zé Castro... a minha exigência é grande, o que não é fácil para os jogadores que não estavam preparados para essa exigência. Ele teve dois comportamentos que não foram bons", analisou, sem querer desvendar mais sobre a saída do grupo por parte do internacional português.

Sobre o jogo, o técnico admite ser "importante começar a ganhar", mas lembra que "este jogo não decide nada". Por fim, o elogio a Hugo Almeida. "É um profissional de excelência, no balneário, nos treinos e, se jogar, no campo", assume.

Por Ricardo Chambel
Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Académica

Notícias

Notícias Mais Vistas

M