Costinha: «Tenho confiança no meu trabalho»

Treinador acredita que o empate no último jogo faz parte do passado

• Foto: Bruno Teixeira Pires

Costinha está convicto de que o empate diante do Fafe, num jogo em que os estudantes jogaram 85 minutos com mais um jogador, faz parte do passado, e que os jogadores da Briosa saberão dar, em campo, a melhor resposta, agora contra o Ac. Viseu.

"O que aconteceu foi futebol e não mais do que isso. Com 10 as equipas fecham-se mais, a ansiedade toma conta dos jogadores e às vezes não se consegue", frisou o técnico da Académica, que não deu qualquer importância às notícias que surgiram durante a semana sobre o seu futuro. "Não é algo que me interesse. Sei o que me pediram e tenho confiança no meu trabalho, nos meus jogadores e na minha equipa técnica. Existe o compromisso de darmos uma resposta positiva. Gostamos de jogar em casa e sempre disse que seria uma fortaleza para nós", defendeu.

Sublinhe-se, a propósito, que Pedro Correia e Hugo Ribeiro não estão disponíveis para a receção aos viseenses, por lesão, enquanto Nii Plange continua afastado pelo clube sem que haja qualquer explicação oficial para este caso.

Por Ricardo Chambel
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Académica

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0