Jogadores da Académica recusam-se a treinar

Equipa técnica está solidária. Briosa nega qualquer recusa do plantel

• Foto: José Reis / Movephoto

Os jogadores da Académica recusaram-se a treinar esta quarta-feira, apurou Record. O plantel da Briosa reivindica melhores condições de trabalho.

A equipa técnica está solidária com os jogadores.

O plantel reuniu-se durante a manhã na Academia Briosa XXI. Segundo informações recolhidas pelo nosso jornal, o plantel orientado por César Peixoto recusou-se inicialmente a treinar, de que forma fosse, uma forma de protestar contra a falta de condições do relvado da academia e falta de material no departamento médico, mas acabou por fazer trabalho de ginásio.

Os jogadores começaram a sair a partir das 13 horas.

Entretanto, já esta tarde, a Académica negou, em comunicado, que o plantel se tenha recusado a treinar. "A equipa profissional da Académica treinou de forma normal, cumprindo a sessão de trabalho no Ginásio da Academia. Reiteramos que, em momento algum, foi equacionada qualquer recusa em treinar por parte do plantel", pode ler-se na nota publicada no Facebook.

Os capitães de equipa publicaram também uma mensagem a dizer que cumpriram a "sessão de trabalho no ginásio da academia". "Estamos de corpo e alma no clube, totalmente focados em atingir os objetivos da Académica", sublinharam.

Recorde-se que o próximo jogo da Académica está agendado para domingo, dia 3, às 17h15, em casa do Varzim, encontro da 9.ª jornada da 2.ª Liga.

[última atualização às 16h52]

Por Ricardo Chambel
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Académica

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.