Direção e administração da SDUQ do Arouca apresentaram a demissão em bloco

Cenário confirmado por José Luís Alves, presidente da Mesa da Assembleia Geral

• Foto: Luís Manuel Neves

A direção e a administração da SDUQ do Arouca apresentaram, esta sexta-feira, a demissão em bloco dos respetivos cargos. Este cenário foi confirmado pelo presidente da Mesa da Assembleia Geral, José Luís Alves, este sábado, numa conferência de imprensa na qual o líder da MAG referiu que os órgãos sociais apontaram motivos de ordem pessoal. 

Há mais de uma decáda no comando dos destinos da formação arouquense, Carlos Pinho, presidente do clube e líder da SDUQ, decidiu colocar um ponto final na ligação ao clube, sendo seguido pelos restantes oito elementos da direção e por Paulo Cerqueira e Joel Pinho - seu filho -, os outros dois nomes que compunham a administração da sociedade.

Com a saída dos órgãos sociais, a Mesa da Assembleia Geral irá convocar uma AG extraordinária para o próximo dia 7 de junho, de forma a nomear uma Comissão de Gestão quer para a direção, quer para a SDUQ, que terá como metas principais a inscrição no Campeonato de Portugal e, ao mesmo tempo, a contrução de um plantel competitivo.

Ainda assim, até à realização dessa reunião extraordinária, importa referir que a atual direção permanecerá em funções.

Para além da nomeação de uma Comissão, a AG terá, também, como ponto na ordem de trabalhos a aprovação dos estatutos para o próximo ato eleitoral, que será marcado para dia 29 de junho. 

Noutro âmbito, José Luís Alves apontou que não existiu um pedido de insolvência, revelando que o que foi discuto foi a possibilidade de um pedido de PER, algo que terá como objetivo principal segurar o equilíbrio financeiro do clube.

Por Ruben Tavares
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Arouca

Notícias

Notícias Mais Vistas