Último da 1.ª volta é o... líder da 2.ª

Arouca chegou a meio do campeonato no fundo da tabela e agora ocupa o 10.º lugar

• Foto: Miguel Barreira

Um total de 15 pontos ao cabo de 17 jogos faziam do Arouca o último classificado da 2.ª Liga no fim da 1.ª volta. Com cinco jogos decorridos da 2.ª metade do campeonato, os arouquenses estão a apenas uma vitória de alcançar o mesmo número de pontos! São 12, por agora, os pontos somados pela equipa de Quim Machado, que lidera, assim, uma virtual tabela classificativa da 2.ª volta.

O jogo do último domingo, vitória sobre o Sp. Braga B (2-0), foi a antítese do mesmo confronto na 1.ª volta. Na altura, em setembro, uma derrota caseira dos arouquenses frente aos arsenalistas, pelos mesmos números do duelo da última jornada, originou a saída de Miguel Leal do comando técnico da equipa após quatro derrotas consecutivas. O Arouca era último, com 3 pontos, à 5.ª jornada.

Quim Machado chegou e, sem receio, assumiu a subida de divisão como objetivo. Essa meta já está bem distante, mas o técnico finalmente encontrou a série de vitórias que tanto desejava para carimbar a recuperação pontual. Realce deve ser feito igualmente à maior solidez coletiva do emblema do vale da Serra da Freita. A equipa não sofreu golos em três dos últimos cinco desafios, o que acaba por ser mais um dado que fortalece aquele que é o melhor momento da época do Arouca. Em termos individuais, referência ao portentoso momento de forma do avançado Fábio Fortes, que marcou em quatro dos últimos cinco jogos, sendo que vem numa sequência de três jogos a fazer golo.

Mercado de janeiro também ajudou

Na ótica de Quim Machado, o grupo ficou mais "equilibrado" após os reajustes no mercado de janeiro. Este fator pode ser explicado pela importância que os reforços estão a ter na equipa. Pedro Pinto é pedra basilar no eixo da defesa; Willian já foi titular em dois jogos e até já marcou ao Benfica B; Lumu estreou-se a marcar em Braga no seu 2.º jogo no onze; Breitner tem sido lançado a partir do banco e conta com uma assistência; e isto sem esquecer o titular da baliza, Stefanovic, que, chegado a Arouca antes de janeiro, se assumiu de pedra e cal. Só Baba Seck ainda não se estreou.

Por Ruben Tavares
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Arouca

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.