Benfica B-Arouca 1-0: Heriberto foi abono de família

Encarnados não somavam três pontos desde 22 de outubro

Um golo de Heriberto, aos 34 minutos, bastou para o Benfica B bater esta sexta-feira o Arouca por 1-0, em jogo da 15ª jornada da 2ª Liga.

O jovem Heriberto somou o seu nono golo na competição, sendo o melhor marcador das águias na prova e um dos mais certeiros da prova.

Foi um sucesso importante para o Benfica B, conjunto que desde o dia 22 de outubro não somava os três pontos da vitória. Foi na 10ª jornada, na receção ao União da Madeira, altura em que triunfou por 2-1.

O Benfica beneficiou da primeira oportunidade de golo aos 16 minutos. João Félix fez uma brilhante assistência para Heriberto, o avançado encarnado ganhou vantagem sobre os defesas contrários, mas o remate bateu no central Deyvison e o lance perdeu-se pela linha final.

O Arouca continuou a espreitar o contra-ataque para tentar surpreender as águias. Aos 27 minutos, Roberto recebeu uma bola na esquerda, cruzou largo para o flanco contrário, mas o ganês Barnes 'disparou' muito alto e por cima da barra benfiquista.

A equipa anfitriã justificou a vantagem registada ao intervalo, pois foi sempre a mais incisiva no ataque. Daí o golo marcado por Heriberto, aos 34 minutos, na sequência de uma brilhante assistência do 'miúdo' João Félix, um portento de habilidade e intuição.

Em desvantagem no marcador, Miguel Leal, técnico do Arouca, reforça o ataque com a entrada do avançado Rui Areias para o lugar do médio sérvio Palocevic.

Aos 53 minutos, o reentrado Rui Areias caiu na grande área encarnada e o Arouca reclamou grande penalidade, mas o árbitro Hélder Malheiro, muito contestado pelos adeptos benfiquistas, nada assinalou.

Lance de grande perigo para a turma arouquense aos 69 minutos, mas a bola rematada por Rui Areias saiu ligeiramente ao lado e com o guarda-redes russo Zoblin fora da baliza.

Mais um lance com a marca de Heriberto aos 73 minutos. O jogador benfiquista ganhou na luta corpo a corpo, arrancou pela esquerda e isolou Zé Gomes, mas o remate do seu companheiro de ataque saiu forte, mas ligeiramente ao lado. No lance seguinte, foi a vez de João Filipe rematar em habilidade, mas ao lado.

O Arouca abriu o seu jogo e o Benfica ficou com mais espaço para visar a baliza adversária, mas faltou inspiração aos jogadores encarnados para reforçarem a vantagem, que, mesmo assim, somaram três preciosos pontos para fugirem à perigosa e indesejada zona da despromoção.

Jogo realizado no Caixa Futebol Campus, no Seixal.

Benfica B-Arouca: 1-0.

Ao intervalo: 1-0.

Marcador:

1-0, Heriberto, 34 minutos.

Equipas:

Benfica B: Ivan Zlobin, Alex Pinto, Vitali Lystcov, Francisco Ferreira, Marcelo Hermes, Florentino Luís, Gedson, Thabo Cele (João Filipe, 64), João Félix (Nuno Santos, 81), Heriberto e Zé Gomes (Pedro Álvaro, 88).

(Suplentes: Fábio Duarte, Pedro Amaral, Pedro Álvaro, Nuno Santos, Daniel dos Anjos, João Filipe e Simon Ramirez).

Treinador: Hélder Cristóvão.

Arouca: Rafael Bracali, João Amorim, Deyvison, Nuno Coelho, Vítor Costa, Ericson, Bruno Alves, Aleks Palocevic (Rui Areias, 46), André Bukia, Barnes (Bertaccini, 68) e Roberto.

(Suplentes: Igor Rocha, Benny, Nuno Valente, Jefre Vargas, Bertaccini, André Santos e Rui Areias).

Treinador: Miguel Leal.

Árbitro: Hélder Malheiro (AF Lisboa).

Ação disciplinar: cartão amarelo para Thabo Cele (47 minutos), Barnes (62), Bertaccini (90+2).

Assistência: cerca de 800 espectadores.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Benfica B

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.