Varzim-U. Madeira, 2-1: Romário salta do banco para resolver

Donos da casa estiveram em desvantagem, mas deram a volta com um golo de um 'suplente'

• Foto: Simão Freitas

O Varzim venceu este domingo em casa do U. Madeira, por 2-1, em encontro da 14.ª jornada da 2.ª Liga, com o suplente Romário a marcar o golo que acabou por valer os 3 pontos.

A equipa madeirense dominou a primeira parte e chegou ao intervalo em vantagem, mas, no segundo tempo, baixou de rendimento e o Varzim cresceu, ganhou confiança e empatou, por Éder Díez, e, por fim, chegou ao segundo tento, por intermédio de Romário, que saiu do banco de suplentes aos 84 minutos e marcou um minuto depois.

Com este resultado, o Varzim subiu ao 14.º lugar, com 16 pontos, ao passo que o U. Madeira está uma posição acima, com mais um ponto.

O U. Madeira entrou melhor do que o adversário, graças a um futebol apoiado e a uma boa circulação de bola, e, aos 8 minutos, inaugurou o marcador. Lima Pereira tentou e falhou a interceção de um passe e a bola sobrou para Kwame N'sor, que bateu o guarda-redes Paulo Vítor.

O Varzim sentiu muito o golo e, aos 16 e 35 minutos, quase sofreu o segundo, em remates de Rodrigo Henrique e N'sor, tendo-lhe valido a atenção demonstrada pelo guardião Paulo Vítor.

Nilson também esteve bem a opor-se a um forte remate de Rui Costa (45 minutos), mas, na segunda parte, nada pôde fazer contra a crescente pressão que o Varzim exerceu e que deu 2 golos.

Nesse período, o U. Madeira começou a dar sinais de erosão física e a recuar e o Varzim, gradualmente e sem jogar bem, tomou conta do jogo e tornou-se cada vez mais perigoso para a baliza visitante.

Os locais acabaram mesmo por empatar, num lance em que Rui Costa rematou, a bola embateu em Éder Díez e foi para a baliza de Nilson.

O técnico do U. Madeira, Filó, que protestou muito contra a arbitragem, foi depois expulso e o mesmo sucedeu mais tarde com o seu adjunto.

Aos 84 minutos, Romário substituiu o lesionado Éder Díez e, no minuto seguinte, fez o 2-1, confirmando a reviravolta, para gáudio dos adeptos varzinistas e grande frustração da turma madeirense, que na reta final não parou de protestar contra o árbitro e às suas decisões.

Jogo no Estádio do Varzim SC, na Póvoa de Varzim.

Varzim: Paulo Vítor, Jean Filipe, Sandro, Lima Pereira, Rui Coentrão (Neta, 66'), Nélson Agra, Estrela, Keaton Parks, Denot (Renna, 66'), Rui Costa e Éder Díez (Romário, 84').
Suplentes não utilizados: Paulo Cunha, Tiago Alves, Villagrán e Jeferson.
Treinador: João Eusébio.

U. Madeira: Nilson, Tiago Moreira, Jaime Simões, Kusunga, Rúben Lima, Ryan Ramos, Mica, Breitner (Rafael Barbosa, 66'), João Caminata (Talles, 75'), Rodrigo Henrique e Kwame N'sor (Rafael Porcellis, 68').
Suplentes não utilizados: Tony, Allef Nunes, Luís Tinoco e Gian Martons.
Treinador: Filó.

Árbitro: Pedro Vilaça (Viana do Castelo).
Ação disciplinar: Cartão amarelo para Romário (85'), Jaime (90') e Rui Costa (90'+2).

Golos:  Éder Díez (73') e Romário (85'); Kwame N'sor (8')

Assistência: Cerca de 900 espectadores.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de 2ª Liga

Notícias

Notícias Mais Vistas