Estoril-Académica, 1-0: Canarinhos vencem e continuam a sonhar

Golo de Gorré permite aos da Linha isolarem-se no 3.º posto

O Estoril venceu este domingo a Académica, por 1-0, num jogo da 23.ª jornada da Segunda Liga que opôs dois candidatos assumidos à promoção e que foi decidido pelo golo solitário de Kenji Gorré.

Num bom encontro disputado no Estádio António Coimbra da Mota, marcado pela competitividade dos dois conjuntos, o equilíbrio foi a nota dominante da primeira parte. Se os estorilistas entraram bem, os estudantes terminaram esse período a dominar e concentrando as melhores oportunidades de golo, sendo disso exemplo a chance flagrante desperdiçada por Fernando Alexandre perto do intervalo.

Assim, foi um pouco contra a corrente do desafio que o Estoril chegou ao golo logo no reatamento. Uma grande jogada individual de Kenji Gorré, a ultrapassar toda a defesa dos estudantes num slalom da esquerda para o meio, foi coroada com um remate rasteiro e colocado para as redes da baliza da Académica. Estava feito o 1-0 à passagem dos 48 minutos.

O golo sofrido não quebrou a determinação da Briosa, mas a equipa de João Alves perdeu um pouco da lucidez que vinha exibindo. Assim, a supremacia territorial redundava num ataque de pólvora seca à baliza do Estoril. Por sua vez, a formação de Bruno Baltazar entregou-se ao conforto do contra-ataque, sustentado pela velocidade de Gorré, Belima e Sandro Lima, e podia mesmo ter dilatado os números do marcador.

Graças a este triunfo sobre um rival direto na luta pelo sonho da subida de escalão, o Estoril ascendeu ao terceiro posto, com 40 pontos, deixando a Académica sozinha na quinta posição, com 37. As vagas de subida, essas, continuam bem seguras por Paços de Ferreira, líder, com 52 pontos, e Famalicão, segundo classificado, com 47.

Jogo no Estádio António Coimbra da Mota, na Amoreira.

Estoril - Académica, 1-0.

Ao intervalo: 0-0.

Marcador:

1-0, Kenji Gorré, 48 minutos

Equipas:

- Estoril: Thierry Graça, Pedro Queirós, Miguel Rodrigues, João Pedro, Rafael Furlan, Filipe Soares, Cícero (Gonçalo Santos, 76), Yan (João Patrão, 67), Belima, Kenji Gorré (Ibra Koneh, 86) e Sandro Lima.

(Suplentes: César Augusto, Gonçalo Santos, João Patrão, Roberto, André, Diney e Ibra Koneh).

Treinador: Bruno Baltazar.

- Académica: Peçanha, Brendon (Diogo Ribeiro, 57), João Real, Yuri Matias, Mike, Guima (Fernando Alexandre, 29), Ricardo Dias, Jean Felipe, Romário (Marinho, 75), Júnior Sena e Djousse.

(Suplentes: Ricardo Moura, Marinho, Ki, Traquina, Reco, Fernando Alexandre e Diogo Ribeiro).

Treinador: João Alves.

Árbitro: Rui Costa (AF Porto).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Kenji Gorré (69) e Rafael Furlan (85).

Assistência: 1.683 espetadores.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de 2ª Liga

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0