Académica-Vizela, 0-1: Eficácia decisiva em Coimbra

Felipe Augusto fez o único golo

Felipe Augusto marca o único golo
• Foto: Bruno Pires

O Vizela venceu a Académica, por 1-0, em jogo antecipado da nona jornada da 2.ª Liga. No Estádio Cidade de Coimbra, o único golo do encontro foi apontado aos 78 minutos, por Felipe Augusto, que aproveitou uma perda de bola de Nii Plange para se isolar e rematar certeiro, fora do alcance do guarda-redes Ricardo Ribeiro.

A Briosa, que vinha de uma vitória caseira sobre o União da Madeira, por 1-0, voltou a 'marcar passo' perante o seu público, consentindo a segunda derrota no seu reduto, depois de já ter perdido com o Santa Clara, na segunda jornada.

O Vizela aproveitou a 'embalagem' da vitória da última jornada, na visita ao Sporting B, por 2-1, para somar mais três pontos e ultrapassar a Académica na tabela classificativa.

A formação minhota, que subiu esta época, iniciou melhor a partida e logo no primeiro minuto ganhou um livre muito perigoso, praticamente em cima da linha da grande área, mas, na cobrança, André Pinto atirou contra a barreira.

Aos 15 minutos, Tiago Ronaldo isolou Mendonça, que permitiu o corte a Nuno Santos antes de atirar à baliza, numa jogada em que os jogadores da Académica reclamaram fora de jogo.

Nesta altura, os estudantes já dominavam a partida, mas a primeira ocasião de perigo surgiu apenas aos 17 minutos, por Jimmy, que, na pequena área, atirou às malhas laterais da baliza do Vizela.

A Académica mandava no jogo e, aos 28 minutos, Rui Miguel, de cabeça, obrigou o guarda-redes Pedro Albergaria a defesa apertada.

Até ao final da primeira parte, registo ainda para um remate muito perigoso de Elízio, na sequência de um pontapé de canto.

No segundo tempo, foi a equipa da casa que entrou melhor no jogo, dispondo de uma grande ocasião para marcar aos 48 minutos, com Rui Miguel a cabecear e João Sousa a cortar a bola em cima da linha de golo, já com o guarda-redes Pedro Albergaria fora do lance.

O Vizela reagiu e, aos 56 minutos, Mendonça esteve perto do golo, ao aproveitar uma perda de bola na defensiva academista, mas uma boa defesa de Ricardo Ribeiro evitou o pior.

Cinco minutos depois, os minhotos aproveitaram uma nova perda de bola e valeu novamente a intervenção do guarda-redes Ricardo Ribeiro, a desviar o remate de Kukula para a linha final.

A Briosa atacou mais, mas o acerto defensivo da equipa do Vizela e a ineficácia dos homens da frente manteve o nulo até aos 78 minutos, altura em que Felipe Augusto aproveitou uma perda de bola de Nii Plange para se isolar e desfeitear Ricardo Ribeiro.

Até ao final do jogo não se registaram oportunidades de golo, embora a Académica não tenha baixado os braços na procura da igualdade.

Jogo no Estádio Cidade de Coimbra, em Coimbra.

Académica - Vizela, 0-1.

Ao intervalo: 0-0.

Marcador:

0-1, Felipe Augusto, 78 minutos.

- Académica: Ricardo Ribeiro, Alfaiate (Ernest, 46), Diogo Coelho, João Real, Nuno Santos, Fernando Alexandre, Kaká, Jimmy (Tozé Marreco, 81), Marinho (Pedro Nuno, 66), Nii Plange e Rui Miguel.

(Suplentes: José Costa, Tom, Makonda, Ernest, Pedro Nuno, Yuri e Tozé Marreco).

Treinador: Costinha.

- Vizela: Pedro Albergaria, João P., João Cunha, João Sousa, Elízio, André Pinto, Luís Ferraz, Tiago Ronaldo, Mendonça (M. Oliveira, 86), Felipe Augusto (Lamelas, 90) e Kukula.

(Suplentes: Paulo Ribeiro, Alex Porto, Felipe Martins, Lamelas, M. Oliveira, Dani e Panin).

Treinador: Ricardo Soares.

Árbitro: Manuel Oliveira (Porto).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Nuno Santos (1), Rui Miguel (18), André Pinto (18) e Nii Plange (75).

Assistência: 2.519 espetadores.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de 2ª Liga

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.