Benfica B-Olhanense, 2-3: Algarvios aproveitam debilidade das águias

Leandro Borges, com dois golos, acabou por ser o herói

• Foto: Rui Minderico
O Olhanense aproveitou bem a fragilidade patenteada pelo Benfica B durante a primeira parte e venceu este sábado por 3-2 no Seixal, em encontro da 24.ª jornada da 2.ª Liga.

O avançado algarvio Leandro Borges, com dois golos (32 e 41 minutos) acabou por ser o herói dos algarvios, que colocaram um ponto final numa série de três derrotas consecutivas no campeonato.

Pelo contrário, o Benfica B continua em baixa, não somando qualquer sucesso desde 06 de dezembro do ano passado, quando receberam e bateram o rival Sporting B por 1-0. Depois, averbaram quatro derrotas e um empate.

O Benfica B até entrou bem no jogo, mas durou cerca de meia hora o estado de graça das águias, com o ponta de lança Sarkic a inaugurar o marcador aos 25 minutos. O avançado montenegrino surgiu isolado na área e rematou rasteiro para o fundo da baliza defendida por Moreira.

A vulnerabilidade da defesa encarnada ficou bem patente no lance de empate do Olhanense, aos 32 minutos. Canto marcado por Galassi para a zona frontal da grande área, onde surgiu Leandro Borges a rematar forte e bem colocado.

Cinco minutos depois, o italiano Galassi apontou o segundo dos algarvios, a sancionar uma grande penalidade cometida por Pavel Dawidowicz, após o avançado ganês Said ter rematado fortíssimo à barra da baliza benfiquista, ficando dúvidas se ultrapassou a linha de golo.

O lance despertou um coro de protestos por parte dos dois bancos. Cristiano Bacci, técnico italiano do Olhanense, entrou pelo relvado dentro a reclamar golo de Said e Hélder Cristóvão, treinador das águias, reclamou vigorosamente com o delegado ao jogo, Tiago Belchior.

E, enquanto o Benfica acusou fortemente os dois golos sofridos em apenas cinco minutos, o Olhanense manteve a ousadia atacante e aumentou a vantagem ainda antes do intervalo. Guilherme recuperou uma bola no lado esquerdo do meio-campo encarnado e assistiu o veloz Leandro Borges para o 3-1, com a defesa benfiquista, muito passiva, a ver jogar.

Na segunda parte, a equipa de Olhão ficou reduzida a 10 elementos por expulsão de Moreira, antigo guarda-redes benfiquista. O 'keeper' dos algarvios sai da área e defendeu com a mão um remate do jovem montenegrino Sarkic, que se isolou, mas não conseguiu acertar com a baliza adversária.

O Benfica assumiu, então, o domínio da partida e empurrou o Olhanense ainda mais para o seu meio-campo. Os algarvios abdicaram de atacar, ao invés das águias, que aumentaram a pressão ofensiva. Aos 66 minutos, o central russo Lystov reduziu, de cabeça, surgindo sozinho a empurrar a bola na cara do guardião Léo.

O técnico Hélder Cristóvão usou todas as armas ofensivas que tinha no banco. Chamou a jogo os avançados Dálcio Gomes, Sancidino Silva e Victor Andrade, as oportunidades sucederam-se, mas nem sequer o empate chegou.

Jogo na Caixa Futebol Campo, no Seixal.

Benfica B-Olhanense, 2-3.

Ao intervalo: 1-3.

Marcadores:

1-0, Oliver Sarkic, 25 minutos.

1-1, Leandro Borges, 32.

1-2, Galassi, 37 (grande penalidade).

1-3, Leandro Borges, 41.

2-3, Lystov, 66.


Benfica B: Miguel Santos, Hildeberto, Rúben Dias (Sancidino Silva, 77), Vitali Lystcov, Pedro Rebocho, Pawel Davidowicz, João Teixeira, João Carvalho, Diogo Gonçalves (Victor Andrade, 61), Adel Taarabt (Dálcio Gomes, 46) e Oliver Sarkic.
Suplentes: André Ferreira, Victor Andrade, Dálcio Gomes, Gilson Costa, Clésio Bauque, João Nunes e Sancidino Silva.
Treinador: Hélder Cristóvão.

Olhanense: Moreira, Rodolfo Lourenço, Coubronne, Materazzi, Virga, Guilherme (Morelatto, 70), Ousmane Baldé, João Oliveira (Fábio Marinheiro, 83), Leandro Borges, Galassi e Said (Léo, 55).
Suplemtes: Léo, Lucas Morelatto, Fábio Marinheiro, Gonzalez, Tiago Duque, Mickael e João Falque.
Treinador: Cristiano Bacci.

Árbitro: João Matos (Viana do Castelo).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Pavel Dawidowicz (36), Ousmane Baldé (65) e Pedro Rebocho (90+2). Cartão vermelho direto para Moreira (53) e Gilson Costa (após o final do jogo).

Assistência:
Cerca de 500 espetadores.
Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

Ultimas de 2ª Liga

Notícias

Notícias Mais Vistas