Cova da Piedade-Olhanense, 3-2: Ricardo Barros salva visitados nos descontos

Avançado evita o empate

• Foto: Filipe Farinha

Um golo do avançado Ricardo Barros, já em período de descontos (90+4), salvou, este domingo, o Cova da Piedade de mais um empate e ditou um precioso triunfo sobre o Olhanense, por 3-2, em jogo da 2.ª Liga.

O resultado mantém a equipa de Olhão na cauda da tabela, ainda sem qualquer vitória, enquanto o conjunto de Almada acabou com um período de quase um mês sem vencer - o derradeiro sucesso (1-0) ocorreu precisamente sobre o Freamunde, a 3 de setembro, e ocupa o sexto lugar com 16 pontos.

Foi uma partida emotiva, mais pela alternância no marcador do que pela qualidade do futebol praticado, que deixou algo a desejar.

A turma anfitriã assumiu a iniciativa da partida, procurando jogar rasteiro e com constantes variações de flanco. Apesar do domínio do Cova da Piedade, foi a formação de Olhão a inaugurar o marcador.

Na sequência do cruzamento tenso de Kiki da esquerda, aos 33 minutos, João Oliveira antecipou-se e desferiu uma excelente cabeçada para o fundo das redes defendidas por Pedro Alves.

A equipa de Almada não acusou o lance, manteve a toada atacante e, aos 39 minutos, na sequência de uma magnífica tabelinha com André Carvalhas, o veterano Silas, de 40 anos, desferiu um forte pontapé à entrada da área que levou a bola ao fundo da baliza algarvia.

O Cova da Piedade fez o 2-1 logo no início da segunda parte, por Dieguinho aos 53 minutos, e parecia ter o jogo controlado, até que Cissé aproveitou uma defesa incompleta de Pedro Alves e empurrou o esférico para o golo, aos 76 minutos. O tento, marcado contra a corrente do jogo, provocou grande ansiedade junto dos adeptos piedenses.

A angústia só terminou no último minuto do período de compensação. E foi o inevitável Ricardo Barros a fazer o tento da vitória (e o seu quarto do campeonato), na sequência de uma jogada iniciada do lado esquerdo por Irobiso.

Jogo disputado no Estádio José Martins Vieira, na Cova da Piedade.

Ao intervalo: 1-1.

Marcadores: 0-1, João Oliveira, 33 minutos, 1-1, Silas, 39, 2-1, Dieguinho, 53, 2-2, Cissé, 76, 3-2, Ricardo Barros, 90+4.

Cova da Piedade: Pedro Alves, Filipe Godinho, Miguel Ângelo, Bruno Sapo, Evaldo, Soares, Siaka Bamba, Silas (Rui Varela, 83), André Carvalhas (Robson, 65), Dieguinho (Irobiso, 72) e Ricardo Barros.
Suplentes: Guilherme, Chico Gomes, Danielson, Robson, Roberto Cunha, Irobiso e Rui Varela.
Treinador: Sérgio Boris.

Olhanense: Matteo Ricci, Carlos Freitas (Fábio Marinheiro, 86), Coubronne, Tiago Duque, Kiki, Federico Virga (Jorman, 62), João Oliveira, Tiago Barros, Lorenzo Galassi (Doudou, 74), Salim Cissé e Aldair.
Suplentes: Dimitar Evtimov, Fábio Marinheiro, Gonzalez, Edgar Abreu, Doudou, Jorman, Olivier.
Treinador: Cristiano Bacci.

Árbitro: André Neto (AF Vila Real).

Ação disciplinar: Cartão amarelo a Jorman (68), Siaka Bamba (69), Silas (77), Aldair (82).

Assistência: cerca de 1.200 espetadores.

Consulte os resultados e classificação aqui

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de 2ª Liga

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.