Famalicão-Académico de Viseu, 3-2: triunfo surgiu já nos descontos

Após reviravolta na reta final

O Famalicão venceu o Académico de Viseu por 3-2, em jogo da 22.ª jornada da 2.ª Liga em que esteve a perder até perto do fim e marcou o golo do triunfo aos 90+4 minutos.

O defesa central Ângelo marcou o terceiro golo dos famalicenses já em período de compensação, assegurando uma vitória muito sofrida, que permite aos locais consolidarem o segundo lugar, agora com 44 pontos, e manterem intactas a suas aspirações de subida à I Liga.

O Académico de Viseu esteve duas vezes em vantagem (1-0 e 2-1), quase marcou o terceiro golo e acabou por cair nos dez minutos finais, com os golos de Anderson Oliveira, aos 86, e de Ângelo, já nos descontos, o que deixa equipa no penúltimo posto, com 21 pontos, mais perto da despromoção.

O encontro foi equilibrado e os visitantes apresentaram-se a um nível surpreendente para uma equipa aflita, tendo colocado muitas dificuldades conjunto anfitrião.

O Académico de Viseu adiantou-se no marcador aos 29 minutos, nu lance em que Defendi defendeu um remate de Lucas, mas já não foi a tempo de se opor ao de Paná, que fez um golo fácil.

O Famalicão, até aí um pouco adormecido e também intranquilo, reagiu e quase marcou, por Ângelo, aos 35 minutos, acabando mesmo por 'faturar' aos 43, por Pathé Ciss, que ganhou a bola a Fernando Ferreira e foi feliz no remate.

O Académico de Viseu entrou melhor na segunda parte e, depois de um primeiro aviso, aos 54 minutos, saltou novamente para a frente na sequência de um contra-ataque e de um cruzamento de Luisinho, que a defesa famalicense não conseguiu anular, com Joel a introduzir a bola na própria baliza.

Poucos minutos depois, os visitantes beneficiaram de um livre frontal muito perigoso e Luisinho forçou Defendi a mais uma boa defesa e o Famalicão continuou a revelar muita ansiedade e pouca inspiração.

O que o Famalicão teve de positivo foi nunca ter desistido e, mais com coração do que com cabeça, obrigou o guarda-redes adversário, Janota, a duas boas intervenções, aos 68 minutos, e conseguiu mesmo empatar, aos 86, por Anderson Oliveira, que finalizou de primeira um cruzamento de Capela.

Latyr Fall quase desfez a igualdade aos 87 minutos e, já aos 90-4, quando parecia que o resultado estava feito, o Famalicão ganhou um canto e Ângelo cabeceou para a baliza de Janota, dando a vitória à sua equipa, que nas duas rondas anteriores perdeu com o Paços de Ferreira e com o Arouca aos 90 e aos 90+3, respetivamente.

Jogo no Estádio Municipal de Famalicão.

Famalicão - Académico de Viseu, 3-2.

Ao intervalo: 1-1.

Marcadores:

0-1, Paná, 29 minutos.

1-1, Pathé Ciss, 43.

1-2, Joel, 56 (própria baliza).

2-2, Anderson Oliveira, 86.

3-2, Ângelo, 90+4.

Equipas:

- Famalicão: Defendi, Joel, Ângelo Meneses, Ricardo, Jorge Miguel, Pathé Ciss, Feliz, Fabinho (Capela,65), Deni Hocko (Anderson Oliveira, 55), Walterson (Furtado,86) e Fabrício.

(Suplentes: Ricardo Fernandes, Ashley-Seal, Capela, Filipe Oliveira, Luís Rocha, Anderson Oliveira e Furtado).

Treinador: Sérgio Vieira.

- Académico de Viseu: Ricardo Janota, Tomé, Pica, Kevin Medina, Nélson Lenho, Paná, Diogo Santos, Luisinho, Fernando Ferreira (Latyr Fall, 72), Lucas (Tiago Almeida, 72) e João Victor (Barry, 83).

(Suplentes: Jonas, Fábio Santos, Bakr, Barry, Latyr Fall, Tiago Almeida e Gabriel).

Treinador: João Gabriel Ribeiro.

Árbitro: Fábio Veríssimo (AF Leiria).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Pica (51), Ângelo (51), Ricardo (59), Joel (89) e Tomé (90+1).

Assistência: 3.725 espetadores.

Por Lusa

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de 2ª Liga

Notícias

Notícias Mais Vistas