Famalicão-Olhanense, 4-2: Bis de Vítor Lima vale triunfo

Formação nortenha alcança primeira vitória da época

Famalicão, Portugal, Futebol
Famalicão, Portugal, Futebol • Foto: FC Famalicão

O Famalicão venceu este sábado o Olhanense por 4-2, em jogo da segunda jornada da Segunda Liga, em que o triunfo dos nortenhos foi alicerçado num bis de Vítor Lima, ainda na etapa inicial.

O bom desempenho ofensivo demonstrado pelos famalicenses, ao longo da primeira parte, foi suficiente para praticamente sentenciar o rumo da partida, perante um adversário que, nesse período, raramente conseguiu estar perto de ameaçar a baliza contrária.

Vítor Lima, à passagem do minuto 18, abriu o marcador, colocando o Famalicão em vantagem graças a um remate exterior, que culminou mais uma das boas incursões atacantes da equipa minhota.

O golo abalou os algarvios que, além de não terem conseguido reagir à desvantagem, também não conseguiram estancar o domínio ofensivo do Famalicão, que viria a beneficiar de uma grande penalidade, a castigar falta de Marinheiro sobre Mércio, pouco depois da meia hora, que Vítor Lima não desperdiçou.

A má prestação do Olhanense obrigou o treinador Cristiano Bacci a mexer cedo na equipa, tentando, dessa forma, revitalizar um coletivo já pouco crente na recuperação.

A entrada de Leyzller, aos 36 minutos, serviu em parte esse intento, pois a partir de então, os algarvios deram mostras de poder vir a reentrar na discussão do jogo, terminando a primeira metade com um cabeceamento de Marinheiro, em posição privilegiada, mas que Efremov conseguiu defender.

A qualidade do guarda-redes do Famalicão voltou a evidenciar-se nos minutos iniciais da segunda parte, travando o remate de Galassi, negando dessa forma o golo ao avançado do Olhanense que lhe surgiu isolado pela frente.

Sem eficácia ofensiva e tremendo defensivamente sempre que o Famalicão colocava velocidade nas suas movimentações, o Olhanense foi, num ápice, castigado com mais dois golos que conferiram ao resultado contornos de goleada.

Entre os 55 e os 57 minutos, Ângelo e Feliz, mostraram eficácia, e retiraram quaisquer dúvidas acerca do vencedor da partida.

O Olhanense ainda reagiu nos últimos cinco minutos, com Jorman e Tiago Barros a aproveitarem a descompressão famalicense para, com dois remates exteriores, reduzirem a desvantagem para 4-2, mas sem beliscar o primeiro triunfo da época dos nortenhos.

Jogo no Estádio Municipal 22 de junho, em Vila Nova de Famalicão

Famalicão - Olhanense, 4-2.

Ao intervalo: 2-0.

Marcadores:
1-0, Vítor Lima, 18'
2-0, Vítor Lima, 31' (penálti)
3-0, Ângelo, 55'
4-0, Feliz, 57'
4-1, Jorman, 85'
4-2, Tiago Barros, 89'

Equipas:

- Famalicão: Efremov, Joel (Dani, 60), Ângelo, Nailson, Jorge Miguel, Vítor Lima (Patrick, 82), Diogo Cunha, Mércio, Medeiros, Carlão (Mendes, 69) e Feliz.

(Suplentes: Victor Braga, Vilaça, Chico, Dani, Mendes, Patrick e Perre).

Treinador: Ulisses Morais.

- Olhanense: Ricci, Virga, Redolfi, Marinheiro, Coubronne, Tiago Barros, Sori Mané (Leyzller, 36), João Oliveira (Gerevini, 72), Galassi, Jorman e Gonzalez (Edgar Abreu, 80).

(Suplentes: Léo, Pedro Eira, Edgar Abreu, Vieira, Carlos, Gerevini e Leyzller).

Treinador: Cristiano Bacci.

Árbitro: Artur Soares Dias (AF Porto)

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Marinheiro (29), Virga (46), Joel (53), Galassi (56), Leyzller (62), Lima (76) e Jorman (93).

Assistência: 2635 espetadores.

Por Lusa

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de 2ª Liga

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.