Record

FC Porto B-Famalicão, 3-2: Famalicenses permitem reviravolta e ainda não garantiram manutenção

Visitantes precisam de um ponto

• Foto: Twitter FC Porto
O Famalicão permitiu este sábado ao FC Porto B dar a volta a um resultado de 2-0 e vencer por 3-2, em jogo da 37.ª jornada da 2.ª Liga, adiando a confirmação da manutenção.

Os famalicenses continuam com 47 pontos, a um de garantirem a manutenção, enquanto o FC Porto B segue num tranquilo sétimo posto, com 58.

O encontro com os portistas começou por correr bem ao Famalicão, que beneficiou de duas grandes penalidades, convertidas por Willian Dias, aos 17 e aos 22 minutos, para chegar ao 0-2.

A equipa de Vasco Seabra tinha o jogo controlado quando um desentendimento entre o lateral direito e Joel e o guarda-redes Leonardo, aos 41 minutos, permitiu a Tony Djim reduzir para 1-2.

Com o intervalo já à vista, esse golo foi um golpe duro para o Famalicão e um tónico para o FC Porto, que na segunda parte mostrou uma cara bem diferente, para melhor, daquela que se lhe visto na primeira parte.

Depois de 45 minutos apáticos e desinspirados e já sem nada a ganhar ou a perder em termos classificativos, os portistas subiram de rendimento depois do intervalo, mas mesmo assim foi o Famalicão quem, mais uma vez, primeiro esteve perto do golo.

A falta de eficácia foi o ponto fraco da equipa visitante, que teve ocasiões para fazer o 0-3 ainda na primeira parte e o 1-3 na segunda, mas tal não aconteceu e isso saiu-lhe muito caro.

Um grande cabeceamento do central Bidi aos 55 minutos, na sequência de um canto, deu o empate ao FC Porto B, que daí para a frente arriscou, pressionou e acabou por consumar a reviravolta no marcador através de uma grande penalidade, a terceira deste jogo.

Danúbio, que tinha cometido penálti do qual resultou o segundo golo do Famalicão, redimiu-se aos 68 minutos com uma ação individual, que foi travada por Joel e punida com o castigo máximo

João Cardoso cobrou a falta e colocou o FC Porto B pela primeira vez na frente desta partida, da qual o Famalicão saiu derrotado, em grande medida, por ter sido demasiado perdulário.

Jogo no Estádio Jorge Sampaio, em Vila Nova de Gaia

FC Porto B-Famalicão, 3-2.

Ao intervalo: 1-2.

Marcadores:

0-1, Willian Dias, 18 minutos (grande penalidade)

0-2, Willian Dias, 23 (grande penalidade)

1-2, Tony Djim, 41

2-2, Bidi, 55

2-3, João Cardoso, 68

Equipas:

FC Porto B: Diogo Costa, Luís Mata, Bidi, Rui Pires, Inácio (Oleg, 88), João Cardoso, Tony Djim, Chikahoui (Diogo Leite, 90+1), Chidera (Moreto, 90+1), Danúbio e Irala.

(Suplentes: Mbaye, Oleg, Diogo Leite, Romário Baró, Madi, Moreto e Musa Yahaya).

Treinador: António Folha.

Famalicão: Leonardo, Joel (Vasco, 79), Nuno Diogo (Anderson, 85), João Faria, Mendes, Vítor Lima, Hocko (Fabinho, 79), Jorge Miguel, Willian Dias, Feliz e Jaime Poulson.

(Suplentes: Gabriel, José Pedro, Nélson Cunha, Jorge Pereira, Fabinho, Vasco e Anderson).

Treinador: Vasco Seabra.

Árbitro: Fábio Piló (AF Leiria).

Ação disciplinar: cartão amarelo para Bidi (18) e Nuno Diogo (76).

Assistência: 349 espetadores.
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de 2ª Liga

Notícias

Notícias Mais Vistas

M