Record

Moreirense-Sp. Covilhã, 0-0: Visitados empatam com 9

Vítor Oliveira viu Filipe Melo e Diogo Cunha expulsos

Moreirense-Sp. Covilhã, 0-0: Visitados empatam com 9
Moreirense-Sp. Covilhã, 0-0: Visitados empatam com 9 • Foto: MANUEL ARAÚJO

Moreirense e Sp. Covilhã empataram este sábado 0-0, em encontro da 23.ª jornada da II Liga, disputado em Moreira de Cónegos e em que os minhotos jogaram com menos dois durante uma hora.

Num jogo tenso, realce para o facto de a formação anfitriã ter ficado, logo aos 31 minutos, com menos dois jogadores, primeiro, aos cinco minutos, com a expulsão por vermelho direto de Filipe Melo, muito contestada pelo conjunto da casa, depois por novo vermelho direto, aos 31, para Diogo Cunha, que entrou de forma muito dura sobre Tiago Lopes.

Apesar da desvantagem em jogadores, o Moreirense procurou sempre atacar, principalmente através de Wagner, sempre muito esforçado e a adiantar-se bem aos adversários. Na primeira parte, contabilizaram-se cinco lances de perigo, com o Sp. Covilhã, sem surpresa face à superioridade numérica, a registar mais oportunidades de golo.

O treinador Vítor Oliveira, que não tinha operado qualquer alteração face ao onze que venceu (1-0) em casa do Ac. Viseu na última jornada, foi obrigado a inventar e trocou um avançado, Pires, por um defesa, Stéphane Madeira, que se desdobrou entre a defesa e o meio-campo.

Adivinhava-se uma segunda parte facilitada para o lado do Sp. Covilhã, mas o Moreirense dispôs mesmo das primeiras oportunidades: Igor Araújo teve de se esticar para travar o remate de Wagner (52 minutos) e Rui Miguel atirou ao poste (60).

Marafona teve a sua primeira intervenção em toda a partida, aos 64 minutos, para suster um remate forte de Gui. Isolado frente ao guardião dos vimaranenses, Forbes, aos 84, podia ter "arrumado" o jogo, mas a bola não tomou o rumo certo. Mendy, aos 89, protagonizou a última oportunidade da partida e, a partir daí, restou aos locais encostarem-se à sua área e impedir, de qualquer maneira e a qualquer custo, os ataques dos visitantes.

Nota para a estreia absoluta, na equipa orientada por Francisco Chaló, do médio guineense Soares.

Jogo no Campo de Jogos Joaquim de Almeida Freitas, em Moreira de Cónegos.

Moreirense-Sp. Covilhã, 0-0.

Equipas:

Moreirense: Marafona, André Simões, Anilton, Ricardo Nascimento, Elizio, Idris, Filipe Melo, Diogo Cunha, Rui Miguel (Tarcísio, 64), Wagner (Mendy, 71) e Pires (Stéphane Madeira, 38). (Suplentes: Ricardo Silva, Tarcísio, Tiago Borges, Márcio Madeira, Mendy, André Carvalhas e Stéphane Madeira).
Treinador: Vítor Oliveira.

Sp. Covilhã: Igor Araújo, Tiago Lopes (Soares, 58), Luís Rocha, Edgar, Alex Kakuba, Gilberto, Carlos Manuel, Tiago Martins, Bata, Gui Inters e Forbes. (Suplentes: Apollo, Joel, Paulico, Jota, Samu, Soares e Cheng).
Treinador: Francisco Chaló.

Árbitro: Pedro Proença (Lisboa).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Idris (37), Edgar (55), Tiago Martins (67) e Luís Rocha (87). Cartão vermelho direto para Filipe Melo (5) e Diogo Cunha (31).

Assistência: Cerca de 1.500 espectadores.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de 2ª Liga

Notícias

Notícias Mais Vistas

M