Nacional-Leixões, 2-1: Bis de Ricardo Gomes deixa insulares à beira da subida

Derrota afasta leixonenses desta luta

• Foto: Hélder Santos

Um bis de Ricardo Gomes permitiu este sábado ao líder Nacional vencer em casa o Leixões por 2-1, em encontro relativo à 36.ª jornada da 2.ª Liga. Com este triunfo, os insulares reforçaram o comando, somando agora 67 pontos, e podem garantir no domingo o regresso à Liga NOS um ano depois.

O Nacional passou a contar 14 jogos sem perder, enquanto o Leixões, que não sofria uma derrota há seis jogos, ficou afastado da luta pela subida.

A formação da Choupana, sem o castigado Costinha no banco, adiantou-se no marcado logo aos quatro minutos, por Ricardo Gomes, de cabeça, após cruzamento de Vítor Gonçalves na direita.

Os madeirenses foram mais pressionantes durante os primeiros 30 minutos, à procura do segundo golo, em ataque organizado, enquanto o Leixões procurou surpreender o adversário em contra-ataque.

João Camacho, aos 39 minutos, poderia ter apontado o segundo tento dos anfitriões, através de um remate forte, mas Tony segurou a bola.

Os leixonenses reagiram e Kukula (42 minutos) poderia ter empatado, num cabeceamento ao qual Daniel Guimarães correspondeu com uma grande intervenção.

A formação de Matosinhos pressionou muito nos últimos 10 minutos da primeira parte, levando muito perigo à baliza alvinegra.

Na segunda parte, aos 63 minutos foi a vez de Sancidino falhar o golo, à boca da baliza nacionalista, após cruzamento na direita de Haman.

O Nacional acabou por marcar o segundo golo, aos 67 minutos: cruzamento na direita de Murilo e Ricardo Gomes cabeceou, batendo Tony pela segunda vez.

Os leixonenses reagiram bem ao tento sofrido e, aos 81 minutos, acabaram por marcar, por Bruno Lamas, num livre descaído para a esquerda do seu ataque, contado com a passividade da defesa insular.

Nos últimos minutos, coube ao Nacional acercar-se mais vezes da baliza contrária, enquanto o Leixões, sem Derick a partir dos 82 (acumulação de amarelos), ainda tentou, em 'desespero' chegar ao empate, mas o resultado não se alterou.

Jogo no Estádio da Madeira, no Funchal

Nacional-Leixões, 2-1

Ao intervalo: 1-0

Marcadores: 1-0, Ricardo Gomes 4 minutos; 2-0, Ricardo Gomes, 67'; 2-1, Bruno Lamas, 81'

Nacional: Daniel Guimarães, Nuno Campos, Diogo Coelho, Júlio César, Mauro Cerqueira (Elízio, 31), Jota (Diego Barcelos, 66), Christian, Murilo, João Camacho (Witi, 89), Vítor Gonçalves e Ricardo Gomes

Treinador: Costinha

Leixões: Tony, Jorge Silva, China (Chico Banza (74), Ricardo Alves, Derick, Amine, Breitner (Bruno Lamas, 37) Luís Silva, Kukula (Sancidino,56), Ricardo Barros e Haman

Treinador: Francisco Chaló

Árbitro: Fábio Veríssimo (AF Leiria) 

Ação disciplinar: Cartão amarelo para João Camacho (43), Derick (43 e 82), China (53), Jota (61) e Diego Barcelos (89). Cartão vermelho por acumulação de amarelos para Derick (82).

Assistência: 3.619 espetadores.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de 2ª Liga

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0