Olhanense desce de divisão

Após empate 1-1 no reduto do Vizela

• Foto: Ricardo Nascimento

O Olhanense foi esta sexta-feira matematicamente despromovido ao Campeonato de Portugal, após empatar 1-1 na visita a Vizela, numa partida da 36.ª jornada da 2.ª Liga que terminou com 10 jogadores.

Quando faltam jogar seis jornadas, a equipa de Olhão soma 22 pontos, menos 19 que o Leixões, que tem 41 e está no 18.º lugar, segunda posição de disputa do playoff de manutenção.

Tiago Ronaldo abriu o marcador para a equipa da casa, aos 20 minutos, surgindo o empate em cima do intervalo por Gerevini, acabando o Olhanense reduzido a 10 homens na segunda parte após a expulsão de Tiago Duque, aos 62.

Numa primeira parte mal jogada, o Vizela começou melhor, mas, sem conseguir criar situações de golo, foi quase por acidente que chegou à vantagem.

Aos 20 minutos, uma insistência pela esquerda de Prince até à linha de fundo acabou em assistência para Tiago Ronaldo, que, à segunda e com a bola a desviar num defesa, conseguiu bater Rodolfo.

E, quando parecia que o Vizela iria avançar para uma vitória segura - ao minuto 34 Elizio falhou, de cabeça, por muito pouco o 2-0 -, foi o Olhanense a fazer pela vida, chegando ao empate em cima do intervalo num forte remate à entrada da área de Gerevini.

O jogo manteve-se fechado na segunda parte, até o Olhanense ficar reduzido a 10 jogadores, aos 62 minutos, por expulsão de Tiago Duque.

Quatro minutos depois, Coubronne, de cabeça, na pequena área, viu os reflexos de Pedro Albergaria negar-lhe o golo, o mesmo acontecendo na área contrária, quando Rodolfo (76 minutos), desviou para a trave o pontapé a 25 metros de Luís Ferraz.

Com quatro derrotas consecutivas até esta jornada, a equipa algarvia resistiu ao assalto final dos minhotos, com Rodolfo (89 minutos) a negar o golo a João Vieira, mas a não evitar a despromoção do Olhanense, a seis jornadas do fim.

Jogo no Estádio do FC Vizela, em Vizela.

Vizela - Olhanense, 1-1.

Ao intervalo: 1-1.

Marcadores:

1-0, Tiago Ronaldo, 20 minutos.

1-1, Gerevini, 45.

Equipas:

- Vizela: Pedro Albergaria, Dani Coelho, João Sousa, João Cunha, Elizio, Luís Ferraz, Tiago Martins (Felipe Augusto, 58), Tiago Ronaldo, Prince, Magique (Kukula, 46) e Fortes (João Vieira, 58).

(Suplentes: Paulo Ribeiro, Felipe Augusto, Kukula, João Pedro, Helinho, Dani e João Vieira).

Treinador: Carlos Cunha.

- Olhanense: Rodolfo, Coubronne, Gerevini, Pedro Eira, Tiago Duque, Sori Mané, Edgar Abreu, Gonzalez (Salim Cissé, 42), Aldair (Virga, 85), Kiki (Hélder Cabral, 66) e Jorman.

(Suplentes: Skowron, Ademola, Carlos, Virga, Hélder Cabral, Salim Cissé e Nabil Jaadi).

Treinador: Bruno Saraiva.

Árbitro: Anzhony Rodrigues (Madeira).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Pedro Eira (33), Dani Coelho (57), Edgar Abreu (68), Tiago Ronaldo (68), Luís Ferraz (70) e Sori Mané (73). Cartão vermelho direto a Tiago Duque (62).

Assistência: Cerca de 500 espetadores.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de 2ª Liga

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0