Olhanense-Santa Clara, 1-0: Murilo oferece sétimo lugar aos algarvios

Equipa de Olhão despede-se de 2015/16 com vitória

• Foto: Filipe Farinha

O Olhanense venceu este sábado o Santa Clara por 1-0, em encontro da 46.ª e última jornada da Segunda Liga, com Murilo a oferecer, perto do final, o último triunfo da época à sua equipa.

Depois de um jogo típico de final de temporada, sem grande emoção e poucas oportunidades de golo, o extremo brasileiro decidiu a partida com um tento ao cair do pano, premiando a maior vontade dos algarvios na segunda metade.

O Olhanense, que nos últimos 17 jogos da época perdeu apenas dois, encerra a temporada no sétimo lugar, com 69 pontos, enquanto o Santa Clara terminou no 16.º, com 57.

Com as duas equipas a cumprirem calendário e sem grande vontade de atacar as balizas adversárias, mesmo sem pressão, o último jogo da época resultou num espetáculo pobre e pouco emotivo.

Apenas Galassi, num livre direto defendido por Pedro Freitas (20), e Ellafi (22), com um tiro por cima, protagonizaram momentos perigosos.

Após o intervalo, o encontro continuou pouco interessante, mas o Olhanense mostrou maior empenho na procura do golo, sem grande qualidade e sem criar ocasiões reais de golo.

O tento da vitória acabaria por chegar em cima do minuto 90, quando Said conduziu a bola pela direita, entrou na grande área e cruzou rasteiro, surgindo Murilo a desviar de forma certeira ao segundo poste.

Jogo no Estádio José Arcanjo, em Olhão.

Olhanense - Santa Clara, 1-0.

Ao intervalo: 0-0.

Marcador:

1-0, Murilo, 90 minutos.

Equipas:

- Olhanense: Moreira (Léo, 65), Rodolfo Lourenço, Coubronne, Materazzi (Guilherme, 65), Stanley Amuzie, Soriano Mané (Mickael, 46), Fábio Marinheiro, Leandro Borges, Galassi, Murilo e Said.

(Suplentes: Léo, Lucas Morelatto, Gonzalez Prado, Douglas Cordeiro, Guilherme, Tiago Duque e Mickael).

Treinador: Cristiano Bacci.

- Santa Clara: Pedro Freitas, Lucas (Hamdou, 59), Roberto, Accioly, Gil Barros, Nikola, Jimmy, Hugo Santos, Pacheco (Tiago Ronaldo, 83), Ellafi (Ruben Saldanha, 73) e Reginaldo.

(Suplentes: Rodolfo, Igor, Ruben Saldanha, Tiago Ronaldo e Hamdou).

Treinador: Carlos Pinto.

Árbitro: Tiago Antunes (Coimbra).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Leandro Borges (78) e Mickael (90+3).

Assistência: Cerca de 500 espetadores.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de 2ª Liga

Notícias

Notícias Mais Vistas