Oliveirense-Aves, 2-4: Derrota 'condena' equipa de Oliveira de Azeméis

Aves garante manutenção

A Oliveirense consumou, este domingo, a esperada descida ao Campeonato de Portugal, ao perder em casa com o Desportivo das Aves, por 4-2, em jogo da 40.ª jornada da 2ª Liga.

Em Oliveira de Azeméis, o Desportivo das Aves chegou ao intervalo a vencer por 2-0, com golos de Pedró (16') e Théo Mendy (44'). Na segunda parte, Thompson marcou dois golos para a lanterna-vermelha Oliveirense (60' e 90'), mas que foram insuficientes para a anular vantagem entretanto dilatada por Guedes (70') e Théo Mendy (72').

Com mais posse de bola, o Desportivo das Aves assumiu o jogo e cedo se colocou em vantagem, quando um cruzamento de Théo Mendy encontrou Pedró na área, que ao segundo poste rematou forte para o primeiro golo, aos 16 minutos.

A resposta da Oliveirense surgiu pouco depois, mas o guarda-redes Quim evitou o golo da equipa de Bruno Sousa com uma grande defesa a remate de Serginho (18').

A Oliveirense subiu ainda mais as suas linhas e o Desportivo das Aves aproveitou para contra-atacar, com João Pinho a opor-se com uma boa defesa a remate de Pedró (19').

A equipa de Ulisses Morais ampliou a vantagem ainda antes do intervalo após uma boa jogada individual de Pedró, que tirou vários adversários do caminho e serviu Théo Mendy na área, que com um remate potente fez o segundo golo do Desportivo das Aves, aos 44 minutos.

Na segunda parte, a Oliveirense entrou mais determinada e reduziu a desvantagem por Thompson, numa recarga a remate de Serginho, aos 60 minutos.

Depois do golo sofrido, o Desportivo das Aves melhorou o aproveitamento da sua estratégia de contra-ataque e chegou ao terceiro golo por Guedes, que rematou dentro da área sem marcação (70').

A defesa da Oliveirense acusou algum nervosismo e permitiu que Théo Mendy se isolasse pouco depois, que marcou o quarto golo do Desportivo das Aves aos 72 minutos, desviando a bola do guarda-redes João Pinho.

A Oliveirense ainda reduziu a desvantagem no final da partida, novamente por Thompson, que teve uma recarga eficaz a um remate de Renan (90').

Com esta derrota, a Oliveirense está matematicamente relegada para o Campeonato de Portugal, ocupando o último lugar da 2ª Liga, com 26 pontos, enquanto o Desportivo das Aves garantiu a manutenção a seis jornadas do final do campeonato.

Jogo no Estádio Carlos Osório, em Oliveira de Azeméis.

Ao intervalo: 0-2.

Marcadores:

0-1, Pedró, 16 minutos.

0-2, Théo Mendy, 44'.

1-2, Thompson, 60'.

1-3, Guedes, 70'.

1-4, Théo Mendy, 72'.

2-4, Thompson, 90'.

Equipas:

Oliveirense: João Pinho, Fazenda (Renan, 43), Luís, Sérgio, Mário Mendonça, Godinho (Thompson, 58), José Pedro, Guimarães, Oliveira (Ansumane, 52), Serginho e Rafa.

(Suplentes: Raphael Mello, Babo, Ansumane, Renan, Stephane, Brou e Thompson).

Treinador: Bruno Sousa.

Desportivo das Aves: Quim, Renato Reis, Marcos Valente (Romaric, 78), Emanuel, André Dias, Ericson (Serhii, 83), Tarcísio, Pedró, Théo Mendy, Fernando (Jander, 62) e Guedes.

(Suplentes: Diogo Freire, Felipe Martins, Romaric, Serhii, Jander, Vítor Alves e Diallo).

Treinador: Ulisses Morais.

Árbitro: Bruno Jesus (Lisboa).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Guimarães (61), Serginho (64), José Pedro (67), Jander (75), Ansumane (76), Renan (86) e Serhii (90).

Assistência: cerca de 500 espetadores.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de 2ª Liga

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.