Oliveirense-Penafiel: 2-1: 'Bomba' de Malele dá vitória na inauguração do renovado Estádio Carlos Osório

Golo foi marcado já nos descontos

A Oliveirense venceu este domingo o Penafiel por 2-1, na 13.ª jornada da 2.ª Liga graças a uma 'bomba' de Cephas Malele em tempos de desconto, inaugurando da melhor forma o renovado Estádio Carlos Osório.

Os golos surgiram na segunda parte com Agdon a inaugurar o marcador aos 48 minutos, e, apesar da expulsão de João Paulo por acumulação de amarelos, aos 71 minutos, o Penafiel empatou por Felipe Macedo, em cima dos 90 minutos, mas Cephas Malele, aos 90+3, deu a segunda vitória consecutiva aos locais que igualam a formação duriense na 13.ª posição, com um jogo a menos.

Numa primeira parte pobre e mais disputada a nível físico, a melhor oportunidade surgiu aos 23 minutos, num lance em que Agdon, já dentro da grande área, tirou um defesa da frente, mas precipitou-se diante do guarda-redes e rematou torto.

No regresso dos balneários, Leandro Silva serviu Sérgio Ribeiro dentro da área, o médio cruzou rasteiro para a entrada de Agdon, que finalizou na cara do guarda-redes e fez o primeiro golo na partida e estreou as redes do renovado Estádio Carlos Osório.

Na resposta, Ludovic rematou de longe para uma boa defesa de Coelho, passados dez minutos Ruster Santos 'furou' pelo meio de dois adversários e atirou em arco para fora e, pouco depois, Pires dominou de peito e arranjou espaço na área para um remate cruzado que passou perto do poste.

O bom momento dos penafidelenses foi travado nos últimos 20 minutos, depois de João Paulo ter visto o cartão vermelho por acumulação de amarelos.

A Oliveirense ficou perto de aumentar a vantagem, mas Bouldini, isolado perante Luís Ribeiro, permitiu a defesa do guardião.

Nos últimos minutos do encontro, o Penafiel chegaria à igualdade numa jogada de insistência após uma bola parada, Felipe Macedo ganhou a Leandro Silva e 'picou' por cima de Coelho, numa das escassas oportunidades criadas pela formação de Miguel Leal.

Já em desespero, o guarda-redes Coelho despejou por cima da defesa adversária, Bouldini venceu o duelo aéreo, Agdon deixou o esférico rolar e Cephas Malele, ainda fora de área e de primeira, 'disparou' para o fundo das redes, sem hipóteses para Luís Ribeiro, valendo uma vitória que afasta os oliveirenses da zona de despromoção.

Jogo realizado no Estádio Carlos Osório, em Oliveira de Azeméis.

Oliveirense-Penafiel: 2-1.

Ao intervalo: 0-0.

Marcadores:

0, Agdon, 48 minutos.

1-1, Felipe Macedo, 90.

2-1, Cephas Malele, 90+3'

Equipas:

- Oliveirense: Coelho, Alemão, Michael Douglas, Sérgio Silva, Leandro Silva, Filipe Gonçalves, Fabinho (Diogo Clemente, 86), Oliveira (Paraíba, 66), Sérgio Ribeiro (Cephas Malele, 79), Bouldini e Agdon.

(Suplentes: Bruno Vale, Elízio, Diogo Clemente, Miguel Silva, Paraíba, Neto Costa e Cephas Malele).

Treinador: Pedro Miguel.

- Penafiel: Luís Ribeiro, Coronas, Felipe Macedo, João Paulo, Inácio, Romeu Ribeiro, Leandro Teixeira (Marcel Pereira, 64), Ludovic, Alan Schons, Ruster Santos (Gleison, 76) e Pires (Ronaldo Tavares, 80).

(Suplentes: Filipe, Paulo Henrique, Gleison, Marcel Pereira, Ronaldo Tavares, Alfredo e Jeferson Silva).

Treinador: Miguel Leal.

Árbitro: José Rodrigues (AF Lisboa)

Ação disciplinar: cartão amarelo para Oliveira (31), Romeu Ribeiro (40), Sérgio Ribeiro (56), João Paulo (63 e 71), Fabinho (83). Cartão vermelho por acumulação para João Paulo (71).

Assistência: cerca de 1.200 espetadores.

Por Lusa

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de 2ª Liga

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0