Penafiel-Ac. Viseu, 2-1: Triunfo no último lance

Fidelis marcou aos 90'+5

• Foto: Carlos Gonçalves

Um golo de Fidelis no último lance do jogo garantiu esta quarta-feira uma importante vitória ao Penafiel na receção ao 'aflito' Académico de Viseu, por 2-1, em encontro da 15.ª jornada da II Liga.

O avançado brasileiro marcou aos 90+5 minutos, com um remate cruzado à entrada da área, redimindo-se de uma perdida flagrante três minutos antes, em que passou pelo meio de dois defesas, sentou, depois, o guarda-redes e, com a baliza escancarada, acertou nas malhas laterais.

Fidelis ofereceu o triunfo aos durienses, que só marcaram a diferença a seu favor no segundo tempo, depois de Gonçalo Abreu, aos 27 minutos, ter adiantado os locais e Bruno Loureiro, aos 35, ter restabelecido o empate para os viseenses.

A estratégia do Académico passou por condicionar a construção de jogo do adversário, com uma pressão alta a obrigar ao jogo direto, e explorar, depois, os corredores laterais, uma missão só não totalmente conseguida no primeiro tempo por causa do golo feliz de Gonçalo Abreu, contra a corrente do jogo e após ressalto na área.

Os pupilos de André David podem ainda queixar-se da má pontaria de Zé Pedro, que, logo aos dois minutos, cabeceou para fora, quando estava na pequena área.

O Penafiel, que só no lance do golo conseguiu vencer a primeira zona de pressão do adversário, sentiu muitas dificuldades para se superiorizar e o merecido tento do empate, conseguido por Bruno Loureiro, aos 35 minutos, a concluir uma jogada rápida pela direita, ainda dificultou mais a vida aos locais.

Para não perder mais terreno para os primeiros classificados, Paulo Alves teve de arriscar no segundo tempo, fazendo entrar Mbala, Hélio e Fidelis, e essa aposta podia ter dado resultados mais cedo, face a um adversário que, pela primeira vez, sentiu dificuldades para reagir e não mostrou soluções no 'banco'.

Fábio Fortes, Wellington e Kalindi tiveram oportunidade para evitar a aflição dos instantes finais, com o Penafiel totalmente balanceado no ataque e o Académico de Viseu a defender como podia, até que, no último lance do jogo, Fidelis, a passe de Mbala, rematou cruzado e ofereceu os três pontos ao Penafiel.

Com este triunfo, o Penafiel, sexto classificado, passou a somar 25 pontos, mantendo os mesmos sete de desvantagem para o Desportivo das Aves, segundo e em zona de subida, enquanto o Académico de Viseu continua com os 15 pontos e caiu para o 19.º lugar.

Jogo disputado no Estádio 25 de Abril, em Penafiel.

Penafiel - Académico de Viseu, 2-1.

Ao intervalo: 1-1.

Marcadores:

1-0, Gonçalo Abreu, 27.

1-1, Bruno Loureiro, 35.

2-1, Fidelis, 90+5.

Equipas:

- Penafiel: Ivo Gonçalves, Kalindi, João Paulo, Pedro Ribeiro, Pedro Araújo (Hélio, 69), Romeu Ribeiro, André Fontes (Fidelis, 82), Rafa Sousa (Mbala, 60), Wellington, Fábio Fortes e Gonçalo Abreu.

(Suplentes: Coelho, Diouf, Djibril, Edu, Hélio, Mbala e Fidelis).

Treinador: Paulo Alves.

- Académico de Viseu: Rodolfo, Tomé, Bruno Miguel, Bura, Ricardo Ferreira, Zé Paulo (Park, 80), Saná, Bruno Loureiro (Nam, 72), Carlos Eduardo, Zé Pedro e Tiago Borges (Doulas Abner, 85).

(Suplentes: Elísio, Tiago Gonçalves, Douglas Abner, Park, Jang, Pedro Paulo e Nam).

Treinador: André David.

Árbitro: António Nobre (AF Leiria).

Ação disciplinar: Cartão amarelo a Pedro Ribeiro (58), Pedro Araújo (63), Zé Pedro (88), Saná (90+4) e Bura (90+5).

Assistência: 409 espectadores.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de 2ª Liga

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.