Penafiel-Freamunde, 0-2: Equipa de Paulo Alves sofre primeira derrota caseira

Atitude dos forasteiros fez a diferença

• Foto: Amândia Queirós

O aflito Freamunde impôs este domingo a primeira derrota caseira ao Penafiel na 2.ª Liga, ao vencer justamente por 2-0, na 17.ª jornada, num jogo em que a atitude dos forasteiros fez a diferença.

Diogo Ramos deu vantagem ao Freamunde, aos 53 minutos, e Ivan Perez fixou o resultado final, aos 72, em dois lances com participação direta de Hassan, um dos jogadores mais influentes e decisivos hoje.

Frente a um adversário a lutar pelos primeiros lugares e com possibilidade de encurtar distância para o Desportivo das Aves, segundo classificado, que empatou na visita ao Famalicão (0-0), o Freamunde, no penúltimo lugar, conseguiu condicionar sempre a construção de jogo do Penafiel e até equilibrar o tempo de posse de bola.

O jogo não teve grandes motivos de interesse e oportunidades de golo, contabilizando-se na primeira parte somente uma jogada para os locais, aos 24 minutos, que Luís Pedro, de cabeça, anulou, e outra para o Freamunde, aos 31, com Ivo Gonçalves a negar o tento inaugural a Hassan.

O que diferenciava as duas equipas era a atitude, com vantagem para os forasteiros, claramente mais fortes na segunda parte. Nesse período, os freamundenses conseguiram chegar quase sempre mais cedo à bola, anulando as jogadas de ataque do adversário, e, ao mesmo tempo, ter a bola enquanto iam subindo linhas.

E, aos 53 minutos, o Freamunde adiantou-se mesmo no marcador, num lance iniciado com uma recuperação de Hassan e em que Rui Raínho, depois, aproveitou para servir Diogo Ramos, sozinho na área, cabecear para o fundo da baliza do Penafiel.

O técnico dos locais arriscou, colocando os avançados Fernando e Fidelis em campo, a equipa ganhou presença na frente, mas continuava a faltar-lhe quem pensasse o jogo e travasse as iniciativas contrárias.

Em resultado desta apatia inexplicável, os pupilos de Ricardo Chéu aumentaram a vantagem aos 72 minutos, por Ivan Perez, com um remate cruzado, após combinação com Hassan e total permissividade da defensiva local.

Aos 81 minutos, Fernando desperdiçou o golo para os locais e a possibilidade de a equipa reentrar na discussão do resultado, que assenta bem ao Freamunde, agora com 14 pontos e um novo alento na luta pela permanência, enquanto o Penafiel caiu para o quinto lugar, com os mesmos 28.

Jogo disputado no Estádio 25 de Abril, em Penafiel.

Penafiel-Freamunde, 0-2.

Ao intervalo: 0-0.

Marcadores: 0-1, Diogo Ramos, 53; 0-2, Ivan Perez, 72.

Penafiel: Ivo Gonçalves, Kalindi, João Paulo, Pedro Ribeiro, Pedro Araújo (Fidelis, 58), Romeu Ribeiro, André Fontes (Hélio, 75), Rafa Sousa (Fernando, 54), Wellington, Fábio Fortes e Gonçalo Abreu.
Suplentes: Coelho, Diouf, Djibril, Edu, Hélio, Fernando e Fidelis.
Treinador: Paulo Alves.

Freamunde: Marco Rocha, Leandro Albano, Luís Pedro, Eridson, Rui Raínho, Jorge Daniel (Huguinho, 62), Leandro Pimenta, Ivan Perez (Filippi, 90+1), Diogo Ramos, Hassan e Fausto Lourenço (Hipperdinger, 85).
Suplentes: Rui Nereu, Rodolfo Lourenço, Huguinho, Fábio Vieira, Filippi e Hipperdinger.
Treinador: Ricardo Chéu.

Árbitro: Luís Ferreira (AF Braga).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para André Fontes (42), Hassan (45+1), Jorge Daniel (60), Gonçalo Abreu (63), Fernando (76), Pedro Ribeiro (83) e Romeu Ribeiro (90+4).

Assistência: 721 espetadores.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de 2ª Liga

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0