Ragner despede-se do Vilafranquense: «Formámos uma família verdadeira»

Médio sublinhou a subida inédita de divisão

• Foto: Vilafranquense

Ragner anunciou esta terça-feira o adeus ao Vilafranquense, 77 encontros oficiais e cinco golos apontados depois. Além disso, o médio brasileiro de 30 anos que findou contrato ressalvou particularmente a subida inédita à Segunda Liga que o próprio ajudou a conseguir.

"Hoje, duas épocas depois, despeço-me do União Desportiva Vilafranquense, clube que aprendi a amar e respeitar! Foram duas épocas intensas, encontrei muito mais que colegas, formámos uma família verdadeira, conquistando nessa última época a subida de divisão, o milagre do Cevadeiro! Foi uma época histórica para a minha vida. Os meus sinceros agradecimentos ao clube, aos adeptos e simpatizantes do União Desportiva Vilafranquense", escreveu através das redes sociais o jogador que em Portugal conta também passagens por Alcanenense, BC Branco, Monsanto e Amiense.

Por Flávio Miguel Silva
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de 2ª Liga

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.