Sp. Covilhã-Arouca, 1-2: reviravolta com golos saídos do banco

Heliardo e Caballero deram triunfo nos 10 minutos finais

• Foto: José Gageiro / Movephoto

Heliardo e Caballero saltaram do banco para dar esta segunda-feira a vitória ao Arouca (2-1) em casa do Sp. Covilhã, na 29.ª jornada da Liga SABSEG, quando os serranos se encontravam em inferioridade numérica.Enoh (57') inaugurou o marcador para o Covilhã, mas o Arouca deu a volta ao marcador com golos de Heliardo (84') e de Caballero (87'), numa altura e que os serranos atuavam com menos um, por exulsão de David Santos (83).

Os leões da serra, há cinco jogos sem vencer, entraram mais pressionantes, mas o Arouca, que tenta não descolar dos lugares do topo, reagiu e conseguiu equilibrar a partida. As duas equipas dispuseram de várias oportunidads no decorrer da primeira metade, mas nenhuma conseguiu inaugurar o marcador, mentendo-se o nulo.

No reatamento, o guardião arouquense negou o golo a Filipe Cardoso, aos 47 minutos, mas não evitou que o Covilhã chegasse à vantagem por intermédio de Enoh (57), numa jogada de insistência de Wendel, que cruzou para o camaronês e este atirou para o fundo das redes.

Armando Evangelista mexeu na equipa e reforçou o ataque, mas os serranos mostravam-se organizados e Tiago Moreira podia ter aumentado a contagem, com um remate potente, que bateu nas costas de Quaresma.

Aos 83 minutos, os leões da serra ficaram reduzidos a 10 jogadores, depois de David Santos ter visto o segundo cartão amarelo, abrndo caminho para a reviravolta no marcador.

No minuto seguinte, Heliardo, saído do banco, foi servido por Velázquez e, ao segundo poste, repôs a igualdade. Um minuto depois, Adílio acertou no poste e, pressionante e em vantagem numérica, o Arouca operou a cambalhota aos 87 minutos, por Caballero, há 10 minutos em campo.

O Sp. Covilhã continua no 13.º lugar, com 31 pontos, quatro acima da zona de despromoção, enquanto o Arouca permanece no sexto posto, com 50 pontos, a dois do lugar do playoff.

Jogo no Estádio Santos Pinto, na Covilhã.

Sporting da Covilhã - Arouca: 1-2.

Ao intervalo: 0-0.

Marcadores:

1-0, Lewis Enoh, 57 minutos.

1-1, Heliardo, 84.

1-2, Caballero, 87.

Equipas:

- Sporting da Covilhã: Léo Navacchio, Tiago Moreira, André Almeida, Jaime Simões (Rui Areias, 90), David Santos, Filipe Cardoso, Gilberto (Bernardo Martins, 89), Jorge Vilela (Lamine, 80), Jean Felipe, Enoh e Wendel (Felipe Macedo, 86).

(Suplentes: Bruno Bolas, Felipe Macedo, Hanan, João Cardoso, Joel Vital, Lamine, Inusah, Bernardo Martins e Rui Areias).

Treinador: José Bizarro.

- Arouca: Victor Braga, Thales, Basso, Selma Velázquez, Joel (Heliardo, 70), Leandro, Bukia (Adílio, 61), Marco Soares (Ofori, 59), Arsénio, Pité (Quaresma, 69) e André Silva (Caballero, 77).

(Suplentes: Haymamba Norbert, Quaresma, Heliardo, Adílio, Yaw Moses, Brunão, Júnior Sena, Caballero e Lawrence Ofori).

Treinador: Armando Evangelista.

Árbitro: Rui Lima (AF Viana do Castelo).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Joel (21), David Santos (27 e 83) e Heliardo (76). Cartão vermelho, por acumulação de amarelos, para David Santos (83).

Assistência: Jogo realizado à porta fechada devido à pandemia de covid-19

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de 2ª Liga

Notícias

Notícias Mais Vistas