U.Madeira-Sp. Covilhã, 1-0: Madeirenses mantêm sonho da manutenção

André Carvalhas marcou único golo da partida

• Foto: Hélder Santos

Um golo solitário de André Carvalhas permitiu ao U. Madeira vencer o Sp. Covilhã, em partida da 35.ª jornada da 2.ª Liga, disputada no estádio do Centro Desportivo da Madeira, na Ribeira Brava.

Num jogo nem sempre bem disputado, mas que teve intensidade e emoção até ao apito final, o conjunto madeirense quebrou um ciclo de sete partidas sem vencer em casa, mercê de um golo de André Carvalhas no decorrer da segunda parte, que permite à equipa madeirense alimentar o sonho da manutenção na 2.ª Liga.

A primeira parte foi mal jogada. Apesar de tudo, o Sp. Covilhã mostrou-se mais tranquilo, diante de um conjunto madeirense muito nervoso e inseguro, sem conseguir ligar o seu jogo.

Apenas aos 22 minutos, um remate de Júnior Sena assustou Vítor São Bento. Com o passar dos minutos, o U. Madeira ganhou um ligeiro ascendente e, aos 44 minutos, Bentinho isolou Júnior Sena, que não conseguiu ultrapassar a oposição de Vítor São Bento.

Na resposta, Reinildo, solto de marcação perante José Chastre, rematou sobre a barra.

O U. Madeira, ciente de que só a vitória lhe interessava, entrou mais acutilante para a segunda parte e, aos 51 minutos, Flávio Silva 'disparou' junto à barra.

O Sp. Covilhã, mais pressionado, procurava explorar o contra-ataque e, aos 55 minutos, Fatai rematou ao lado.

Até que, aos 63 minutos, André Carvalhas, na cobrança de um livre, colocou o U. Madeira na frente do marcador.

O Sp. Covilhã procurou reagir, mas foi o conjunto madeirense que esteve muito perto de ampliar a vantagem, aos 78 minutos, quando Júnior Sena correu sem oposição desde o seu meio-campo, mas Vítor São Bento voltou a vencer o duelo com o avançado dos madeirenses.

Até final, assistiu-se a uma forte pressão do Sp. Covilhã na procura do golo, mas embateu na determinação e coesão defensiva do conjunto insular.

Jogo no estádio do Centro Desportivo da Madeira, na Ribeira Brava.

U. Madeira - Sp. Covilhã, 1-0

Ao intervalo: 0-0

Marcador: 1-0, André Carvalhas, 63 minutos.

U. Madeira: José Chastre, Tiago Moreira, Miguel Lourenço, Allef Nunes, Alhassane Sylla, Christophe Nduwarugira (Pathé Ciss, 64), André Carvalhas (Bruno de Morais, 77), Danilo Dias (Peterson, 90+1), Flávio Silva, Júnior Sena e Betinho.

Treinador: Ricardo Chéu.

Sp. Covilhã: Vítor São Bento, João Dias, Zarabi, Abalo, Paulo Henrique, Boubakary Diarra (Vitó, 80), Makouta (Adul Seidi, 67), Renato Reis, Reinildo, Índio (Gilberto Silva, 56) e Fatai.

Treinador: José Augusto.

Árbitro: Rui Costa (AF Porto).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Alhassane Sylla (49), Makouta (57) e Fatai (90+1).

Assistência: Cerca de 200 espetadores.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de 2ª Liga

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.