União da Madeira-Vizela, 1-1: Domínio dos anfitriões sem 'prémio'

Equipa minhota arrancam empate na Ribeira Brava

• Foto: Hélder Santos

União da Madeira e Vizela empataram este domingo (1-1), em partida antecipada da 37.ª jornada da 2.ª Liga. Apesar do claro ascendente da turma da casa, repetiu-se o desfecho da primeira volta, com ambos os golos a surgirem no decorrer da primeira parte.

Kwame N'Sor inaugurou o marcador logo aos 5', com um remate colocado desferido à entrada da área, somando o seu 14.º golo no campeonato. Os madeirenses continuaram a pressionar e, aos 9' e 10', estiveram muito perto de ampliar a vantagem. Primeiro por Cedric, que desviou para fora um centro de Rúben Lima, e depois num remate de Ryan Ramos - jogador que seria substituído aos 24', por lesão.

Aos 35 minutos, N'Sor obrigou Pedro Albergaria a uma defesa apertada, mas o Vizela haveria de chegar à igualdade aos 39', na sequência de um lance de bola parada, com Carlos Fortes a aproveitar da melhor forma uma série de ressaltos no interior da grande área.

Ainda antes do intervalo, os madeirenses voltaram a estar perto de marcar, já em período de compensações, com Luís Carlos quase a marcar de canto direto, levando a bola a embater na barra.

Após o reatamento, o União surgiu disposto a voltar a fazer pender os acontecimentos a seu favor e, aos 50', Mica rematou ao poste e Luís Carlos, na recarga, com a baliza desguarnecida, disparou para fora.

Aos 54', foi Nuno Viveiros que não aproveitou da melhor forma o adiantamento de Pedro Albergaria e o 'chapéu' saiu por cima. Dois minutos volvidos, foi Gian que obrigou Pedro Albergaria a uma grande defesa.

Os insulares exerciam forte pressão, contudo, aos 71', Nilson demorou na reposição, foi pressionado por Felipe Augusto e a bola só não entrou por mero acaso. Aos 74 minutos, nova grande oportunidade, após um erro de Pedro Albergaria, que retificou da melhor forma, defendendo depois o remate de Kwame N'Sor.

Não obstante o grande domínio do União da Madeira, o Vizela manteve-se coeso defensivamente, espreitando sempre o contra-ataque e, até final, o resultado não sofreu alterações.

Jogo no estádio do Centro Desportivo da Madeira, na Ribeira Brava

Marcadores:
1-0, Kwame N'Sor, 5'.
1-1, Carlos Fortes, 39.

UNIÃO DA MADEIRA - Nilson, Tiago Moreira, Tiago Ferreira, Kusunga, Rúben Lima, Ryan Ramos (Mica, 24'), Gian, Nuno Viveiros (Luan, 73') Luís Carlos, Cedric (Roniel, 61') e Kwame N'sor.

Suplentes: Rodrigo Miranda, Roniel, Luís Tinoco, Jaime Simões, Rodrigo Henrique, Mica e Luan.

Treinador: Jorge Casquilha.

VIZELA - Pedro Albergaria, Dani Coelho, João Sousa, João Cunha, Elízio, Luís Ferraz, Tiago Martins, Helinho (Tiago Ronaldo, 63'), Felipe Augusto, Kukula (Panin, 58') e Carlos Fortes (Magique, 69').

Suplentes: Paulo Ribeiro, Alex Porto, Magique, Miguel Oliveira, Tiago Ronaldo, João Pedro e Panin.

Treinador: Carlos Cunha.

Árbitro: Vítor Ferreira (AF Braga).

Ação disciplinar: Nada a assinalar.

Assistência: Cerca de 2.000 espetadores.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de 2ª Liga

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.