Record

V. Guimarães B-Oliveirense, 0-0: Jogo pouco intenso dita nulo

Lances de perigo apenas na primeira parte

Vítor Campelos, treinador do V. Guimarães B
• Foto: MOVENOTICIAS
Vitória de Guimarães B e Oliveirense empataram este domingo 0-0, num jogo equilibrado e pouco intenso da segunda jornada da 2.ª Liga portuguesa, em que os poucos lances de perigo se cingiram à primeira parte.

As duas formações equilibraram-se nesse período, com alguns lances perigosos para cada lado, mas o desafio perdeu qualidade no segundo tempo, terminando com um nulo que permitiu à Oliveirense manter-se invicta, com quatro pontos, no quinto lugar, e ao Vitória B, 19.º, somar o primeiro ponto da competição.

A turma de Pedro Miguel viveu o melhor período do desafio entre os 10 e os 15 minutos do primeiro tempo, atirando à baliza vitoriana em três situações: num cabeceamento de Mathaus, que obrigou o guarda-redes Miguel Oliveira a esticar-se para evitar o golo, noutro de Rafa por cima e num desvio de Serginho, ao segundo poste, travado pelo guardião.

Com a Oliveirense adiantada no terreno, o Vitória aproveitou os espaços concedidos para subir no terreno e ameaçar o golo num remate de Haman, que quase surpreendeu Coelho, aos 17 minutos, e noutro de Medarious, aos 19, travado pelo guarda-redes.

Os vimaranenses jogaram mais tempo no meio-campo contrário a partir daí, atacando com trocas de bola mais curtas, e, mesmo sem ocasiões claras até ao intervalo, estenderam o domínio para a segunda parte, testando novamente Coelho num remate de Medarious.

Após um início de segunda parte na mesma toada da primeira, o encontro decaiu de qualidade na última meia hora, sem nenhuma das equipas revelar engenho para aparecer em posição de desfazer o 'nulo', apesar da turma de Oliveira de Azeméis ter melhorado com a entrada de Brayan Riascos (62).

A bola só voltou a rondar as balizas com perigo no último quarto de hora, num livre direto do vitoriano Castro, aos 78 minutos, num remate fraco do oliveirense Filipe Gonçalves, em boa posição, aos 89, e num disparo de Haman, aos 90+3, para Coelho negar-lhe o golo com defesa atenta.

Jogo no Estádio D. Afonso Henriques, em Guimarães.

Vitória de Guimarães B - Oliveirense, 0-0.

- Vitória de Guimarães B: Miguel Oliveira, Miguel Magalhães, Dénis Duarte, Suéliton, David Luis, Joseph (Reisinho, 79), Mimito, Castro (Bence Biró, 90+1), Medarious, Rui Gomes (João Correia, 63) e Haman.

(Suplentes: André Costa, Nikolaesh, Ricardo Carvalho, Phete, Reisinho, João Correia e Bence Biró).

Treinador: Vítor Campelos.

- Oliveirense: Coelho, Alemão, Sérgio Silva, Mathaus, Ricardo Tavares, João Amorim (Clayton, 72), Filipe Gonçalves, Oliveira, Serginho (Fabián, 81), Diogo Valente (Brayan Riascos, 62) e Rafa.

(Suplentes: Kadú, Raúl Martins, Manuel Godinho, Gabi, Clayton, Fabián e Brayan Riascos).

Treinador: Pedro Miguel.

Árbitro: Humberto Teixeira (AF Porto).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Joseph (42), Sérgio Silva (51), Ricardo Tavares (69) e Reisinho (81).

Assistência: cerca de 1.000 espetadores.
Por Lusa
Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de 2ª Liga

Notícias

Notícias Mais Vistas