Varzim-Olhanense, 1-0: Valeu o golo solitário de Rui Costa

Poveiros venceram de forma meritória

• Foto: Filipe Farinha

O Varzim venceu esta quarta-feira o Olhanense, por 1-0, em partida oitava jornada da II Liga, conquistando três pontos de forma meritória.

Um golo de Rui Costa, aos 50 minutos, a concluir uma boa jogada de contra-ataque, conferiu justiça ao resultado, contando que o Olhanense apenas reagiu quando se viu em desvantagem no marcador.

A primeira parte teve poucos motivos de interesse e rarearam as oportunidades de golo, jogando-se quase sempre no meio-campo e a um ritmo lento.

Os poveiros entraram mais afoitos, mas faltou velocidade com bola e os avançados tornaram-se presas fáceis para a defesa do Olhanense.

Com um esquema tático novo, disposto em 3x5x2, o Varzim teve sempre mais iniciativa e posse bola, mas poucos foram os lances criados no último terço do campo, perante uma formação algarvia que foi conseguindo impor a sua estratégia de contenção.

Ainda assim, um remate de Diego Barcelos e um cabeceamento de Lima Pereira, na sequência de um pontapé de canto, não andaram longe do alvo, respondendo os algarvios com um remate em arco de Doudou, que teve boa intervenção guarda-redes local Paulo Cunha.

Com mais atitude, o Varzim entrou a dominar na segunda parte e marcou cedo, por Rui Costa, num remate de cabeça, aos 50, após cruzamento de Eder Diez, na conclusão de um rápido contra-ataque.

A equipa da casa teve nos minutos seguintes várias ocasiões para dilatar o marcador, mas falhou na finalização e acabou a partida com algum sofrimento.

O Olhanense, na fase final, e já com quatro avançados em campo, pressionou bastante e teve, inclusive, um golo anulado a Doudou, por fora de jogo, avançado que teria a grande oportunidade para empatar num remate cruzado.

Jogo no Estádio do Varzim SC, na Póvoa de Varzim.

Varzim - Olhanense, 1-0.

Ao intervalo 0-0.

Marcadores:

1-0, Rui Costa, 50 minutos.

Equipas:

- Varzim: Paulo Cunha, Sandro, Lima Pereira, Jeferson, Leonel Olímpio, Nélson Agra, Tiago Alves (Pedro Santos, 81), Rui Coentrão, Diego Bacelos (Nelsinho, 67), Rui Costa (Villagrán, 89) e Eder Diez.

(Suplentes: Daniel Marinho, Pedro Santos, Keaton, Nelsinho, Denot, Villagrán e Romário).

Treinador: Armando Evangelista.

- Olhanense: Ricci, Carlos, Redolfi, Tiago Duque, Kiki (Ramos, 80), Virga (Aldair, 70), Tiago Barros, Doudou, Edgar Abreu (Gonzalez, 70), João Oliveira e Cissé.

(Suplentes: Evtimov, Fábio Marinheiro, Gonzalez, Aldair, Jorman, Gerevini e Ramos).

Treinador: Cristiano Bacci.

Árbitro: João Mendes (AF Santarém).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Carlos (26), Virga (40), Diego Barcelos (41) e Redolfi (46).

Assistência: cerca 600 espectadores.

Por Lusa
Deixe o seu comentário
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de 2ª Liga

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.