Vilafranquense-Nacional, 1-2: Insulares triunfaram com reviravolta

Jota marcou o golo da vitória aos 88 minutos

O Nacional venceu este sábado o Vilafranquense por 2-1, com uma reviravolta na partida, em jogo da quarta jornada da Segunda Liga em que Vilafranquense jogou com 10 unidades na última meia hora.

Tal como frente ao Benfica B, os ribatejanos entraram melhor e, aos seis minutos, Wilson Santos inaugurou o marcador, respondendo o Nacional aos 14, com um golo de Brayan Riascos, equipa que completou a reviravolta aos 88, por Jota.

A equipa insular reagiu bem à melhor entrada do Vilafranquense e, depois do empate, esteve sempre por cima do jogo, enquanto o Vilafranquense, apesar de ir poucas vezes à baliza contrária, criava perigo sempre que lá chegava.

O cariz do jogo mudou mainda mais a partir da expulsão, por duplo amarelo, de Denis Martins, passando o Nacional a pressionar alto e a obrigar a equipa de Vila Franca de Xira a defender em cima da sua área.

O tudo por tudo do Nacional trouxe a reviravolta aos 88, num grande remate de Jota, em que Rodrigo Josviaki nada podia fazer.

Jogo no Estádio Municipal de Rio Maior.

Vilafranquense -- Nacional, 1-2

Ao intervalo: 1-1.

Marcadores:

1-0, Wilson Santos, 6 minutos
1-1, Brayan Riascos, 14'
1-2, Jota, 88'

Equipas:

- Vilafranquense: Rodrigo Josviaki, Polidoro Junior, Denis, Kassio Fernandes, Marco Grilo, Nelsinho, Diogo Izata, Pepo (Alan Bidi, 63), Filipe Oliveira (Leandro Souza, 89), João Vieira (Tarcísio, 79) e Wilson Santos.

(Suplentes não utilizados: Maringá, China, Alan Bidi, Silas, Tarcísio, Leandro Souza e Brigues).

Treinador: Filipe Moreira.

- Nacional: Daniel Guimarães, Kalindi (Pedro Perotti, 85), Rui Correia, Júlio Cesar, Witi, Alhassan, Ruben Micael, João Camacho, Vítor Gonçalves (Jota, 62), Brayan Riascos (Gorré, 79) e Rochez.

(Suplentes não utilizados: Gauther, Nuno Campos, Pedro Perotti, Diogo Coelho, Jota, Gorré e Nuno Borges).

Treinador: Luís Freire.

Árbitro: Luís Máximo (AF Castelo Branco).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Wilson Santos (20), Pepo (21), Rui Correia (30), Vítor Gonçalves (35), Denis Martins (50 e 62), Jota (70) e João Camacho (90+1). Cartão vermelho por acumulação de amarelos para Denis Martins (62)

Assistência: cerca de 800 espetadores.

Por Lusa
Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de 2ª Liga

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.