Vizela-Portimonense, 2-1: Equipa minhota foge à zona de despromoção

Algarvios somam segunda derrrota consecutiva

• Foto: Simão Freitas

Dois golos de Felipe Augusto deram a reviravolta ao Vizela frente ao Portimonense, com dez jogadores desde os 18 minutos, vencendo por 2-1 na 34.ª jornada da 2.ª Liga e saindo da zona de despromoção.

Fabrício, de cabeça, abriu o marcador para os algarvios, aos 16 minutos mas o Portimonense ficou reduzido a dez unidades dois minutos depois do golo, com Ivo a receber ordem de expulsão e ser assinalado um penálti favorável à equipa da casa, que Elizio acabou por falhar. Felipe Augusto bisou na segunda parte, aos 80 e 86 minutos, e deu a volta ao jogo.

Numa primeira parte em que a equipa minhota justificou um melhor resultado ao intervalo, depois do líder da 2.ª Liga ter ficado reduzido a dez homens, por expulsão de Ivo, o Portimonense colocou-se a vencer numa finalização de Fabrício.

Acorrendo a um cruzamento da direita de Zambujo (16'), Fabrício saltou sem oposição na grande área para um cabeceamento que passou fora do alcance de Pedro Albergaria.

O Vizela não baixou os braços e depois de Ivo cometer penálti sobre Felipe Augusto e ser expulso, Elízio, chamado a converter, repetiu o falhanço contra o FC Porto B, há duas jornadas, e atirou ao lado da baliza.

Com Fidelis a recuar para o centro da defesa, Paulinho passou a jogar solto no meio-campo do Portimonense, numa aposta clara no contra-ataque de Vítor Oliveira.

Ricardo Ferreira, entre os postes, fez então defesas decisivas para negar o empate nos remates de Elizio (31') e a Luís Ferraz (33'), antes de Kukula, da meia-lua, não acertar no alvo aos 44 minutos.

O Portimonense fez a gestão do jogo na segunda parte, mas um erro na sua área deixou a bola à mercê de Felipe Augusto (80'), cujo remate desviou num adversário e fez o empate.

Seis minutos depois, um passe longo encontrou novamente Felipe Augusto, que rapidamente ganhou a posição e bateu Ricardo Ferreira, impondo a segunda derrota consecutiva do Portimonense.

Jogo no Estádio do FC Vizela, em Vizela.

Vizela-Portimonense, 2-1.

Ao intervalo: 0-1.

Marcadores:

0-1, Fabrício, 16 minutos.

1-1, Felipe Augusto, 80'.

2- 1, Felipe Augusto, 86'.

Equipas:

Vizela: Pedro Albergaria, Dani Coelho, João Sousa (João Vieira, 57'), João Cunha, Elizio, Luís Ferraz, Tiago Ronaldo, Tiago Martins, Panin (Magique, 57'), Felipe Augusto e Kukula (Prince, 69').
Suplentes: Paulo Ribeiro, Prince, Magigue, Miguel Oliveira, Helinho, Dani e João Vieira.
Treinador: Carlos Cunha.

Portimonense: Ricardo Ferreira, Zambujo, Ivo, Brendon, Luís Mata, Fidelis, Pedro Sá, Paulinho (Gleison, 77'), Fabrício, Bruno Tabata (Manafá, 62') e Pires (Ewerton, 46').
Suplentes: Leo, Dener, Ewerton, Gleison, Manafá, Gustavo e Chidera.
Treinador: Vítor Oliveira.

Árbitro: Manuel Oliveira (AF Porto).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Tiago Martins (21'), Bruno Tabata (45+1'), Luís Ferraz (66') e Dani Coelho (90'). Cartão vermelho direto para Ivo (18').

Assistência: cerca de 1.000 espectadores.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de 2ª Liga

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.