Fabiano Soares: «Estou a dar minutos a jogadores que se calhar não estão preparados"

Treinador do Estoril lamentou as ausências de Kléber e Mano frente ao Belenenses (1-1)

Fabiano Soares, treinador do Estoril, acredita que a juventude de alguns jogadores prejudicou a equipa no empate (1-1) no dérbi de Lisboa, frente ao Belenenses.

"Qualidade nós temos, o problema é quando não temos a bola. Há jogadores que não estão ainda adaptados ao futebol europeu. No nosso ataque, os três jogadores tinham 20 anos", explicou o treinador, que ainda foi mais longe: "estou a dar minutos a jogadores que se calhar ainda não estão preparados".

Sobre o empate conseguido já nos últimos 10 minutos, Fabiano Soares não quis falar de justiça: "no futebol não existe justiça, existe o resultado (…) a nível ofensivo estivemos mal, não conseguimos chegar mais à frente e a primeira parte foi ‘sem sal’ para um dérbi".

Acerca das críticas ao trabalho do árbitro João Mendes, o treinador do Estoril mostrou-se compreensivo: "O árbitro apitou o que viu, às vezes um treinador também reclama por reclamar (…) [o árbitro] erra como todos".

Mano e Kléber, duas baixas de peso

As declarações de Fabiano Soares ficaram marcadas pelo lamento das ausências de Kléber e Mano, ambos lesionados. O treinador frisou várias vezes este facto, defendendo que perdeu "duas peças que são muito importantes na equipa", que ambos "são grandes jogadores" e que estas perdas "desestabilizaram um pouco a equipa".

Por Lusa
Deixe o seu comentário
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Estoril

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0