Pedro Carmona: «Temos grande esperança de somar uma vitória»

Técnico do Estoril antevê a partida frente ao P. Ferreira

• Foto: Lusa

O treinador do Estoril, Pedro Carmona, anunciou esta sexta-feira uma equipa com mentalidade vencedora e muito motivada para a receção ao Paços de Ferreira, em jogo da 21ª jornada da Liga NOS.

Na conferência de imprensa de antevisão do desafio, realizada no Estádio António Coimbra da Mota, o técnico espanhol sublinhou a importância psicológica do empate (1-1) conseguido na última jornada, em Braga, e mostrou-se confiante na obtenção do primeiro triunfo ao comando dos estorilistas para o campeonato.

"Estamos com um pensamento positivo e as sensações da equipa são melhores. Na semana passada já dizia que via os jogadores no melhor momento e agora é ainda melhor. Temos grande esperança de somar uma vitória", disse, acrescentando: "O resultado finalmente acompanhou, com um empate num campo tão difícil como o do Sp. Braga".

Pedro Carmona reconheceu que o atual 16.º lugar, com 16 pontos, não representa um cenário tranquilo para a sua formação, mas evitou dramatizar um eventual resultado negativo no duelo com os pacenses, que ocupam o 14.º posto, com 20 pontos.

"Sem dúvida que se ganharmos será muito positivo. A equipa está com confiança, mas se perder não há problema. Não é dramático, a segunda volta acabou de começar. Na primeira volta empatámos. Há tempo para recuperar, mas não estamos a pensar nisso. Estamos com uma mentalidade ganhadora e somos ambiciosos", salientou.

A perspetiva de poder iniciar o jogo já em zona de despromoção, perante uma hipotética vitória do Tondela na receção este sábado (11h45) ao Feirense, foi igualmente relativizada pelo treinador, de 34 anos: "Nem sei quando joga o Tondela. Isso para mim é igual, só me importa o Estoril. Estou muito tranquilo."

Questionado sobre o valor dos pacenses, que quebraram uma série negativa na ronda anterior ao bater, em casa, o V. Guimarães, Pedro Carmona elogiou o adversário, destacando a influência do goleador Welthon.

"Todas as equipas da Liga portuguesa são difíceis. Tem um dos máximos goleadores da Liga, o Welthon, e essa é uma das forças da equipa: tem uma grande eficácia. Porém, estou mais concentrado na minha equipa e que ela jogue melhor, que ataque mais e que tenha mais posse de bola", explicou.

Com Matheus Oliveira e Diogo Amado em dúvida para o jogo, o técnico espanhol centrou sobretudo a sua atenção no crescimento de forma de Kléber, que marcou no derradeiro jogo contra os bracarenses.

"O Kléber voltou a ser o Kléber de há alguns anos. Precisa de mais minutos, mas falta pouco. Está com muita confiança e vontade de ajudar e fazer golos", disse

O encontro entre o Estoril e o Paços de Ferreira, referente à 21ª jornada da 1.ª Liga, está marcado para este sábado, às 18h15, no Estádio António Coimbra da Mota, e terá arbitragem de Artur Soares Dias, do Porto.

Por Lusa
Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Estoril

Toti renova até 2022

O jovem defesa, que pode jogar como central ou como lateral-esquerdo, é uma das maiores promessas da formação estorilista

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.