Record

Revolução deixa boas indicações

Em Faro os canarinhos entraram só com dois jogadores de 2017/18: Thierry Graça e Duarte

• Foto: Ricardo Nascimento
O Estoril passou com distinção no primeiro teste da época e deixou boas indicações para o campeonato. Os canarinhos deram sequência aos resultados da pré-época (nunca perderam) e com o triunfo no terreno do Farense, por 2-0, classificaram-se para a fase de grupos da Allianz Cup, algo que não conseguiram nas três temporadas anteriores.

No final do encontro, o técnico Luís Freire referiu que os jogadores deram uma boa resposta, pois só estão juntos há um mês e esse é o ponto a sublinhar. De facto, o plantel sofreu uma autêntica revolução e do grupo da época 2017/18 só foram titulares dois: o médio Duarte e o guarda-redes Thierry Graça – na temporada anterior fez só um jogo na Taça de Portugal – curiosamente, no mesmo estádio, mas dessa vez a vitória sorriu ao Farense (0-1).

Este onze do Estoril revela o que se foi percebendo durante o defeso, a cada reforço contratado: mudou o paradigma na construção do plantel. Neste verão, depois da chegada do diretor desportivo Pedro Alves, foi clara a intenção de apostar mais em jogadores portugueses, principalmente com experiência de 2ª Liga, um campeonato com características próprias e sempre muito equilibrado.

A Traffic, responsável pelo futebol profissional dos canarinhos, continua a apostar nos jovens jogadores brasileiros, mas agora são colocados nos sub-23, ficando com espaço e tempo para se adaptarem ao futebol europeu. Ainda recentemente chegou o médio Marcos Bahia, de 18 anos. Assim, para o grupo comandado por Luís Freire, só um jogador veio do Brasil: o guardião César.
Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Estoril

Notícias

Notícias Mais Vistas

M