André Geraldes: «Mérito inquestionável até ao momento em que a competição terminou»

CEO da SAD destaca "alegria de um povo que esteve 18 anos à espera disto"

• Foto: Nelson Ferreira

André Geraldes, CEO da SAD do Farense, considera que o emblema algarvio "está no lugar em que merece estar, com um mérito inquestionável, em função do que a equipa fez até ao momento em que a competição terminou, por força das indicações do Governo".

A Liga decidiu esta terça-feira, em reunião de direção, promover Nacional e Farense à 1.ª Liga e todos os integrantes do grupo e adeptos merecem justificados parabéns, sendo enorme e justificada a alegria de um povo que esteve 18 anos à espera disto".

O Farense "queria subir em campo mas tal não foi possível e, assim, havia que tomar decisões em função do mérito e o presidente da Liga teve um ato de coragem e agiu em conformidade com o que era justo, importando também destacar o papel do presidente da FPF".

Para o CEO da SAD do Farense, "os nossos argumentos traduziram-se em resultados", acentuando que "às vezes não basta investir, é preciso saber investir, e executámos isso na perfeição, sob a liderança e o impulso do grande responsável deste projeto, o nosso presidente, João Rodrigues, que muitas vezes nos referiu que dos fracos não reza a história".

Por Armando Alves
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Farense

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0