Hamzaoui tem alta esta quarta-feira

Avançado argelino deve sair do hospital de Chaves e regressar à Madeira

• Foto: Filipe Farinha

O pior já passou. Tudo indica que Hamzaoui vai deixar hoje o hospital de Chaves, onde se encontra internado desde a noite de segunda-feira, depois do traumatismo craniano com perda de consciência que sofreu no jogo com o Chaves, resultante de um choque com o flaviense Carlos Ponck. O estado do avançado argelino, de 26 anos, tem evoluído satisfatoriamente nas últimas horas e, caso os novos exames que serão realizados confirmem essas mesmas melhorias, poderá viajar de regresso à Madeira já ao final desta tarde.

De acordo com o que foi relatado pelos médicos do hospital flaviense, Hamzaoui sofreu uma perda de memória e nem sequer se recordava do lance ocorrido aos 48 minutos, que o fez perder os sentidos. Uma das suas primeiras preocupações quando despertou na cama do hospital foi tranquilizar a esposa e a filha, que se encontram na Argélia, algo que acabou por ser alcançado através de uma publicação na sua página do Facebook. Com o susto ultrapassado e a família descansada, Hamzaoui chegou, inclusivamente, a pedir para assistir, ontem de manhã, às imagens da sua grave lesão. Mais bem disposto, viu tudo o que se passou.

Mesmo com a favorável evolução do estado de saúde do argelino, não é certo que o dianteiro já possa ser utilizado na receção ao Arouca, agendada para sábado. Ainda assim, os insulares também não colocam de parte a possibilidade de Hamzaoui até já ser opção para o duelo referente à 19ª jornada do campeonato. Tudo vai depender de como o avançado africano recuperar durante os próximos dias, já quando estiver na Madeira.

Por Emanuel Pestana
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Nacional

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0