João de Deus: «Fica muito complicado»

Técnico admite que derrota é um duro golpe na luta pela permanência

• Foto: Hélder Santos

Após a derrota em Tondela, por 2-0, João de Deus admite que a continuidade do Nacional na Liga NOS se tornou muito mais difícil. "Não vale a pena estarmos a esconder o que é o cenário: fica muito complicado. Ainda temos quatro jogos para fazer, com rigor, profissionalismo e entrega, e tentar ganhar", salientou o técnico da equipa madeirense.

"A primeira parte não foi boa, isso é claro. Na segunda parte a equipa foi completamente diferente e tem duas boas oportunidades. Não marcámos e, quando assim é, já sabemos como costuma ser o desfecho. Depois de sofrermos um golo, numa perda de bola, tudo se torna mais difícil. O nosso discernimento, tal como do Tondela nesta fase, não é propriamente o melhor. Tínhamos convicção de que quem marcasse primeiro iria vencer este jogo", referiu João de Deus sobre o encontro desta tarde, a contar para a 30.ª jornada.

"Parabéns ao adversário, a nós cabe-nos continuar a fazer o melhor o que pudermos e soubermos, com profissionalismo para ganhar jogos, porque temos quatro jogos pela frente e temos de fazer mais pontos. Não estou aqui para falar de grandes penalidades. Se o árbitro achou que era penálti, quem sou eu para ir contra a opinião de quem está mais creditado", acrescentou o treinador.

Quando ao futuro - o Nacional é último, com 20 pontos, menos três do que o Tondela e quatro do que o Moreirense, que recebe segunda-feira o Chaves -, a João de Deus resta tentar fazer o melhor possível nos jogos que faltam, frente a Rio Ave, Boavista, Sporting de Braga e Vitória de Setúbal.

"É o calendário que temos, não temos que estar assustados, temos é de ser lúcidos e perceber que estamos numa situação tremendamente complicada. Temos até ao final da temporada para dar uma imagem diferente daquela que demos nestes últimos dois jogos", concluiu.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Nacional

Notícias

Notícias Mais Vistas