Manuel Machado: «Não fiquei satisfeito porque estive a ganhar e deixei-me empatar»

Técnico queria os três pontos no Estádio Capital do Móvel

• Foto: Lusa

Manuel Machado lamentou o empate desta sexta-feira (1-1) no terreno do P. Ferreira, salientando que a equipa despertou demasiado tarde.

"Não fiquei satisfeito, porque estive a ganhar e deixei-me empatar, mas, em relação ao resultado, pelo que uma equipa e outra fizeram, penso que o empate é justo. Chegámos ao intervalo a vencer justamente, mas o Paços investiu ofensivamente na segunda parte e não tivemos a ousadia nem a capacidade para aproveitar o seu adiantamento. Só a 25 minutos do final conseguimos atacar, mas já foi demasiado tarde", começou por dizer.

O técnico dos insulares fez depois um balanço destes primeiros oito encontros do campeonato: "Os sete pontos que temos neste momento são curtos para o que já fizemos. Temos tido muitos problemas de indisponibilidade de jogadores. O jogo com o Chaves, por força dos incêndios, fez com que tivéssemos apenas 14 jogadores disponíveis e em Belém perdemos com erros gravíssimos do senhor Carlos Xistra. Penso, por isso, que deveríamos ter 11 pontos, estaria mais em conformidade. É uma época longa e neste momento estamos em défice, mas mais para a frente esse défice será esbatido e acredito que ainda seremos candidatos a acabar a época no primeiro terço da classificação".

Terça-feira há novo jogo com os castores, para a Taça da Liga, mas Machado já pensa no encontro com o Sporting, dias depois: "O jogo de terça-feira será com outro perfil, menos importante. Temos o Sporting na sexta-feira a seguir e vou escalar um lote de jogadores alternativos para o jogo com o Paços. Mas queremos ganhar".

Por Lusa e Luís Miroto Simões
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Nacional

Notícias

Notícias Mais Vistas