Manuel Machado: «Não há muito a contestar»

Lamenta o pouco tempo de recuperação para a Taça

• Foto: Lusa

Manuel Machado considera que a vitória do Benfica por 4-1 frente ao Nacional não merece qualquer contestação.

"Só tenho de dar os parabéns ao Benfica, que foi mais forte em todas as vertentes, coletiva, individual, ofensiva e defensivamente. Não há muito a contestar. Os jogadores estavam prevenidos para a possibilidade de o Benfica marcar primeiro, o que iria desfazer a nossa estratégia, e isso aconteceu, também por alguma ingenuidade nossa. Entrámos numa de jogar tu cá tu lá e o Benfica criou as oportunidades. Houve pouca ou menos inteligência na gestão do jogo antes do 1.º golo. Quando tentámos dar robustez ao jogo, houve mais desatenção e notou-se algum desgaste da nossa parte", afirmou o técnico na flash interview da Sport TV.

E prosseguiu, comentando a remarcação do encontro para esta segunda, depois do jogo ter sido interrompido ontem devido ao nevoeiro, sublinhando a preocupação com o jogo da Taça de Portugal, na quarta-feira. "É uma questão que tem suporte regulamentar. São 72 horas, mas está provado que fisiologicamente não há possibilidades de recuperação. São 48 horas, há uma viagem pelo meio para o norte do país. Com este tempo, a eliminatória fica a jeito para o Gil Vicente. Se jogámos sob protesto? Nem pouco mais ou menos! Respeitamos os regulamentos, o Gill Vicente não pretendeu que o jogo fosse adiado, vamos tentar apresentar-nos pelo menos com dignidade no jogo em Barcelos".

Por Sofia Lobato
6
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Nacional

Notícias

Notícias Mais Vistas