Aceite cedência de terreno para construir Academia

Medida foi aprovada em Assembleia Geral extraordinária

José Mendes satisfeito com novidade.
• Foto: Edgar Martins

O Sporting da Covilhã, da Segunda Liga, aprovou esta segunda-feira por unanimidade, em Assembleia Geral extraordinária, a aceitação da cedência de um terreno, por parte da autarquia, para a construção da academia de formação do clube.

O direito de superfície do terreno situado na freguesia de Boidobra, com uma área de 13.655 metros quadrados, é cedido pela Câmara Municipal da Covilhã por 20 anos, renováveis por períodos de dez anos, e inclui uma cláusula de reversão para o caso de dentro de cinco anos a obra não ter sido feita.

A intenção é fazer, por fases e à medida da disponibilidade financeira, um relvado sintético para futebol de sete, outro campo artificial de futebol e um relvado natural, mais as estruturas de apoio que permitam aos serranos instalarem-se no local e terem também uma zona onde possam ficar alojados jogadores.

José Mendes, o presidente, diz que para o que se pretende vai ser necessário mais terreno, tema que vai debater com a edilidade "no futuro".

"É mais uma luta que vamos ter nos próximos três anos, que é fazer esta obra", sublinhou o presidente dos leões da serra, em declarações à agência Lusa.

Ainda antes do arranque da academia de formação, o clube quer avançar com os primeiros trabalhos com vista à remodelação do Estádio Santos Pinto.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Sp. Covilhã

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.