Record

Alex Costa assume "desafio aliciante"

"Queremos ter um futebol atrativo valorizar os jogadores", realça o técnico

Alex Costa, aos 38 anos, estreia-se no comando técnico do V. Guimarães. O antigo lateral-direito e capitão vitoriano, ascende dos juniores e mostra estar pronto para as dificuldades da 2.ª Liga. "É um campeonato que será mais competitivo, com mais qualidade, mais equipas. Queremos possibilitar aos nossos jovens que estejam inseridos num patamar competitivo que os faça crescer, queremos estar entre os melhores. Os nossos adversários farão os nossos jovens crescer e acima de tudo ficarem preparados para a realidade do Vitória, da equipa A", asseverou.

A fase de preparação tem ficado marcada por bons resultados, mas a experiência de Alex leva-o a ser cauteloso. "É importante trabalhar em cima de resultados positivos, mas os resultados não são o que mais importa nesta fase. Estamos focados em dar aos jogadores maior capacidade física, que compreendem as nossas ideias, para que possam chegar ao jogo com o Cova da Piedade preparados para conquistar os três pontos", explicou.

Quanto à sua missão, as ideias que a vão nortear estão bem definidas. "A equipa B do Vitória tem sempre dois pressupostos bem claros, que passam por formar jogadores para a equipa principal e depois, enquanto coletivo, ter um bom desempenho. O foco é sempre promover os nossos jovens, colocar o maior número possível na equipa A. Queremos ter um futebol atrativo, valorizar os atletas através do nosso jogo", prometeu, admitindo estar perante um repto pessoal que o motiva: "É um desafio muito aliciante. Estar no Vitória é sempre um motivo de orgulho, não posso esconder que estar numa equipa B é mais aliciante do que estar nos juniores, mas o empenho e alegria com que encaro o dia a dia são os mesmos. A responsabilidade é outra, enquanto treinadores temos os nossos objetivos e queremos crescer com os nossos jogadores e a estrutura do clube."

Para já, o V. Guimarães B, que terminou a 2.ª Liga em 11.º lugar na época passada, conta com cinco reforços: o central Dénis Martins, os médios Daniel Silva, Rosier e Georgios, bem como o extremo Francis Cann, proveniente do Vizela. Por outro lado, o defesa Habib Sylla estará fora das opções de Alex Costa por seis meses, uma vez que na próxima segunda-feira será operado a uma rotura do ligamento cruzado anterior do joelho direito. O reforço francês Rosier está a recuperar de uma lesão muscular e só dentro de duas a três semanas é que estará apto para regressar aos treinos no relvado. O avançado Francis, que no último ano esteve cedido ao Grêmio Novorizontino, do Brasil, encontra-se a treinar com a equipa B, mas não faz parte do plantel. A SAD vitoriana procura colocação para o ponta-de-lança brasileiro.


Neste momento, a relação oficial de jogadores do V. Guimarães B é a seguinte:

GUARDA-REDES: André Costa, Dani F., Tiago Martins e Sérgio Dutra.

DEFESAS: Habib Sylla, Magalhães, Outtara, Jorginho, Nuca, Edmond Tapsoba, Romain Correia, Ricardo Carvalho, Dénis Martins e João Correia.

MÉDIOS: Georgios, Castro, Reisinho, Rosier, João Bruno, Daniel Silva, Phete, Al Musrati, André Almeida e Mimito.

AVANÇADOS: Gabriel Justino, Pedro Raul, Bence Biró, Huan Huan, Medarious, Francis Cann e Elias.
Por Bruno Freitas
Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de V. Guimarães B

Notícias

Notícias Mais Vistas

M