Críticas à arbitragem valem suspensão de 30 dias a Capucho

Técnico afirmou que "o futebol português é uma vergonha"

Os protestos de Nuno Capucho depois do empate do Varzim em casa do Estoril (2-2) saíram caros. O treinador dos varzinistas foi suspenso por 30 dias pelo Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol e multado em 2.680 euros, depois de o Conselho de Arbitragem ter feito queixa do antigo jogador.

Capucho foi esta terça-feira notificado da decisão do CD da FPF na sequência do processo disciplinar que viu ser aberto. As críticas feita pelo técnico, que disse que "o futebol português é uma vergonha", entre outras afirmações, acabaram por levar à suspensão e à coima.

"Este futebol português é uma vergonha, é a única coisa que tenho a dizer às pessoas. Desta maneira é impossível as pessoas virem ao futebol. Parece que está tudo feito, tudo controlado e parece que já definiram as equipas que vão subir. É assim que os clubes querem o futebol português, este futebol é uma vergonha. Interprete como quiser, o futebol português é uma vergonha", comentou Capucho no final do encontro com o Estoril.

Por Pedro Gonçalo Pinto
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Varzim

Notícias

Notícias Mais Vistas