Armando Evangelista: «Estou em crer que vamos fazer muitos pontos»

Treinador satisfeito com o projeto apresentado

• Foto: Simão Filho

Armando Evangelista foi oficializado como treinador do Vilafranquense na quarta-feira e foi hoje apresentado aos sócios e adeptos dos ribatejanos. O técnico ex-Penafiel que vai contar na equipa técnica com Vítor Machado, Filipe Freitas, André Balinha, Tiago Mota e Carlos Fialho prometeu "trabalho e responsabilidade".

"O projeto que me apresentaram foge ao padrão do que é a organização de um clube de 2ª Liga. Para melhor, muito melhor.  É um projeto ambicioso, muito bem definido, os departamentos estão nesta primeira fase numa organização crescente. Perspetivam-se todas as condições possíveis para se fazer um bom trabalho", garantiu o treinador português que sucedeu a Filipe Moreira no cargo em declarações no Facebook da SAD vilafranquense, acrescentando:

"Sabemos que a Segunda Liga é um campeonato exigente e muito equilibrado. Pelo primeiro tomar de pulso ao Vilafranquense, seja à organização, à direção ou aos atletas, estou em crer que vamos fazer muitos pontos. Com a minha entrada não quer dizer que estivesse tudo mal e que não houvesse muita coisa bem feita. A verdade é que nos vamos agarrar ao que estava bem feito, tentando incutir alguns comportamentos que me parece que são necessários para um maior equilíbrio daquilo que é o jogo e uma equipa ganhadora. Procuraremos algum cunho pessoal porque o tempo é curto até porque quando queremos dar muita informação de uma só vez ela não é assimilada", vincou ainda Evangelista.

O técnico de 46 anos salientou os progressos recentes que o clube de Vila Franca de Xira alcançou e abordou o facto de jogar longe do Campo do Cevadeiro.

"O Vilafranquense conseguiu chegar à 2ª Liga. É um clube que se está a reestruturar de uma forma muito ambiciosa. É lógico que as condições, pelo facto de jogar em Rio Maior, não são as ideais para quem gosta e ama o clube. A verdade é que é uma situação passageira. É uma situação que merece que todos façam algum esforço para continuar a apoiar o clube, a prestar todo o serviço que o clube necessita para que o Vilafranquense se mantenha nesta divisão. É extremamente difícil chegar cá e estando cá, é de reunir as forças e apoiar o que se puder. É fundamental e o Vilafranquense merece isso mesmo", afirmou.

O Vilafranquense ocupa atualmente o 16.º lugar da Segunda Liga, com 18 pontos alcançados em 19 jornadas. A equipa de Vila Franca de Xira tem seis pontos a mais do que a primeira formação dentro da zona de despromoção, o Cova da Piedade.

Por Flávio Miguel Silva
Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Vilafranquense

Notícias

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.