Tiago Mota pendura chuteiras e integra equipa técnica do Vilafranquense

Médio chegou ao clube em 2018

• Foto: Vilafranquense

A primeira novidade de 2020 no Vilafranquense passa pela retirada de Tiago Mota. O médio português de 34 anos foi um dos obreiros da subida inédita do clube de Vila Franca de Xira à 2ª Liga na temporada 2018/19, que agora se retira dos relvados.

Pela formação ribatejana, Mota cumpriu 19 partidas oficiais, todas na derradeira temporada em que acabou a jogar na posição de defesa-central. Em 2019/20, aquele que era um dos capitães de equipa acabou por não ser inscrito já que recuperava de lesão prolongada. Agora, Tiago Mota vai integrar a equipa do técnico Filipe Moreira no Vilafranquense. 

O experiente futebolista cumpriu a maior parte da carreira com a camisola do Oriental (oito temporadas). Começou a carreira sénior no Loures e depois passou ainda por Oeiras, Atlético, Nea Salamis (Chipre) e Atlético Malveira, até colocar um ponto final no Vilafranquense.

Por Flávio Miguel Silva
Deixe o seu comentário
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Vilafranquense

Notícias

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0