Sp. Covilhã-U. Madeira, 1-1 (3-4 pen.): Serranos infelizes da marca dos 11 metros

Equipa de Paulo Alves segue para a segunda fase

Paulo Alves, treinador do U. Madeira
• Foto: Hélder Santos

O União da Madeira seguiu em frente na Taça CTT, ao vencer nas grandes penalidades (4-3) o Sporting da Covilhã, também da 2.ª Liga, após o empate (1-1) no tempo regulamentar.

Depois de Bilel ter desperdiçado um penálti ainda na primeira parte, Seidi, na última grande penalidade, rematou ao lado e permitiu aos insulares continuarem em prova.

Os insulares entraram na partida a ganhar. Na sequência de um livre, Júnior cruzou para a área, Flávio não concretizou à primeira e Gonçalo, na recarga, inaugurou o marcador no segundo minuto, perante uma defesa serrana lenta.

Micael também rematou ao lado, mas os leões da serra, com vários jogadores indisponíveis e apenas quatro suplentes no banco, mostraram uma boa reação. Assumiram o controlo do jogo, aumentaram a pressão e tornaram-se mais acutilantes, perante um adversário que, a ganhar, se retraiu.

Aos 17 minutos Bruno Rebocho assinalou grande penalidade por falta na área de Allef sobre Seidi. Na conversão, Bilel fez um remate muito denunciado, à figura, e desperdiçou a possibilidade de empatar.

Após a meia hora, os madeirenses aproximaram-se algumas vezes com perigo da área do Covilhã, num período de pressão, mas antes do intervalo foram os leões da serra novamente a assustar, numa jogada de insistência.

No reatamento a toada manteve-se, com o Sporting da Covilhã a surgir com grande ímpeto ofensivo e a manter maior posse de bola.

A dominar, os serranos chegaram ao empate aos 48 minutos, por Seidi, que rematou cruzado da direita para o fundo das redes.

Os insulares conseguiram equilibrar, só que nos últimos minutos o Covilhã tornou-se agressivo na pressão e instalou-se junto à área adversária, sem conseguir nenhuma situação flagrante.

Jogo no Complexo Desportivo da Covilhã

Sporting da Covilhã - União da Madeira: 1-1 (3-4 após grandes penalidades).

Ao intervalo:0-1.

Marcadores:

0-1, Gonçalo, 01 minuto.

1-1, Abdul Seidi, 48.

Grandes penalidades:

0-1, Gonçalo.

1-1, Joel.

1-1, Micael (São Bento defendeu).

1-1, Turé (Tony defendeu).

1-2, Júnior.

2-2, Fatai.

2-3, Henrique.

3-3, Renato Reis.

3-4, Marakis.

3-4, Seidi (Rematou ao lado).

Equipas

- Sporting da Covilhã: São Bento, Renato Reis, João Dias, Joel, Reinildo, Makouta, Gilberto, Fábio Martins (Turé, 57), Fatai, Bilel (Diarra, 85), Abdul Seidi.

(Suplentes: Igor Rodrigues, Turé, Reigones, Diarra).

Treinador: Filipe Gouveia.

- União da Madeira: Tony, Tiago Moreira, Allef Nunes, Romaric, Laércio (Henrique, 61), Sagna (Burgess, 83), Marakis, Gonçalo, Júnior, Micael, Flávio (Luan, 72).

(Suplentes: Antunes, Burgess, Matos, Ham, Paulo V, Henrique, Luan).

Treinador: Paulo Alves.

Árbitro: Bruno Rebocho (AF Évora)

Ação disciplinar: Cartão amarelo a Allef Nunes (17), Gonçalo (44), Laércio (55), Henrique (64), Reinildo (76), Turé (78).

Assistência: Cerca de 300 pessoas.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Allianz Cup

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.