Aves volta a escapar a perda de pontos

Conselho de Disciplina entende que Liga fez queixa antes de tempo

• Foto: Ricardo Jr

O Aves voltou a escapar à perda de pontos por incumprimento salarial. Tudo porque, sabe Record, no entendimento do Conselho de Disciplina, a Liga fez participação disciplinar antes de tempo, numa altura em que ainda não tinha terminado o prazo para demonstração de inexistência de dívidas.

O emblema nortenho, já despromovido à 2ª Liga, tinha sido alvo dois processos disciplinares por causa de dívidas a jogadores. A decisão do segundo foi no mesmo sentido da decisão do primeiro arquivamento.

Para o CD, a data-limite para que a SAD fizesse prova dessa inexistência de dívidas foi alargada automaticamente por efeito da suspensão de prazos decorrente das medidas excecionais e temporárias de reação à epidemia Covid-19. Por isso, a participação da Liga de Clubes acabou por surgir quando ainda não se tinha esgotado o prazo.

Ainda assim, mantém-se a possibilidade de instauração de um novo procedimento disciplinar.

O Regulamento de Disciplina refere no seu artigo 74.º que as infrações salariais implicam a sanção de subtração de pontos, a fixar entre o mínimo de dois e o máximo de cinco. A mesma norma contempla ainda que, em caso de reincidência, os limites mínimo e máximo da sanção são elevados para o dobro. 

Por Sérgio Krithinas
1
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Aves

Notícias

Notícias Mais Vistas