Derrota com final bem quentinho

Avenses revoltados com equipa de arbitragem. Miguel Tavares perdeu a cabeça e foi expulso

• Foto: Hugo Monteiro

O Aves saiu de Lourosa com uma derrota numa partida que terminou com os ânimos exaltados. Na segunda parte, um fora-de-jogo tirado aos avenses e dois penáltis reclamados, um sobre Miguel Tavares e outro sobre Kahraba, fizeram a equipa de Augusto Inácio perder o controlo emocional e conduziram a uma confusão entre jogadores de ambas as equipas em cima do minuto 90.

Miguel Tavares exagerou nos protestos e recebeu ordem de expulsão do árbitro Miguel Silva, que já lhe tinha mostrado um amarelo por entender que o extremo tinha simulado um penálti. No meio da confusão, Kahraba levou amarelo, uma vez que o juiz também achou que o egípcio simulou penálti.

Quanto ao jogo em si, os da casa tiveram uma entrada forte e marcaram o madrugador golo da vitória. Goba Zakpa cruzou da direita e Jaime Poulson, de cabeça, deu o melhor seguimento ao lance. Minutos depois, de livre, Serginho podia ter feito o segundo, mas Szymonek fez uma boa defesa.

O Aves, que se estreia no campeonato, no domingo, frente ao Boavista, em 30 jogadores na ficha de jogo, 13 eram da equipa principal, sendo que dois deles eram guarda-redes. No onze inicial, foram titulares Cláudio Tavares e João Batista, dos sub-23, enquanto o reforço Simunec (ver peça em baixo), que treinou ontem de manhã pela primeira vez com a equipa, alinhou a trinco de início.

A começar o segundo tempo, Kahraba, um dos melhores do Aves, esteve perto de empatar e Peu, assistido pelo egípcio, acertou em cheio no poste, naquela que foi a ocasião mais flagrante da turma de Inácio em todo o jogo.

Por Ruben Tavares
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Aves

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.