José Mota: «Esta equipa tem caráter e os jogadores são inteligentes»

Treinador reage com otimismo ao desaire diante do V. Guimarães

José Mota lamentou a segunda derrota consecutiva da sua equipa, mas não atira a toalha ao chão. O treinador, que neste jogo com o V. Guimarães acabou por ser expulso, não deixou de elogiar a atitude dos seus jogadores, afiançando que "com esta dinânima" os próximos encontros vão traduzir-se em vitórias. 

Reação
"São duas derrotas consecutivas. Resumindo estes dois confrontos, tivemos uma boa atitude, uma boa equipa. Em muitos aspetos, (fomos) melhor do que o nosso adversário de hoje. Entrámos praticamente a perder. Conseguimos uma reação excelente, com grande dinâmica. Tivemos as melhores oportunidades. O nosso adversário só em lances de bola parada conseguia chegar à nossa área."

Superiores
"Nos primeiros 45 minutos, fomos claramente melhor equipa em todos os aspetos. Fomos mais agressivos. Tivemos boas oportunidades, não só para empatar, mas para estar em vantagem ao intervalo. Não estivemos tão eficazes em termos de finalização."

Repartido
"Nos segundos 45 minutos, o jogo foi mais repartido. Pretendíamos ser mais acutilantes em termos ofensivos. O adversário, mais em bolas paradas, lá conseguia fazer o seu percurso. Acabou por fazer um golo. Depois, o jogo terminou aí. Deixou de haver espetáculo."

Boa dinâmica
"Trabalhámos muito durante a semana para jogar para ganhar. Foi o que fizemos e tentámos. Foi pena que essa qualidade não tivesse dado o seu fruto. Para nós, não seria excelente, mas seria bom para a caminhada da manutenção. Saio contente pela exibição dos meus jogadores. Com esta dinâmica, no próximo jogo, vamos sair vencedores."

Balanço positivo
"O balanço que faço desde que cheguei ao Desportivo das Aves é positivo. O que eu pretendo para as jornadas que faltam é este Desportivo das Aves: uma equipa organizada, com ambição, que tem tido um calendário difícil. Em casa, temos sido fortes. Esta equipa tem caráter, os jogadores são inteligentes. Nestas últimas jornadas, vamos conseguir o que todos pretendemos, a manutenção."

Expulsão
"Não percebo muito bem. Há exaltação em ambos os bancos, e ele (árbitro João Pinheiro) resolveu expulsar-me. Vou estar à espera do relatório. Poderá ter havido uma palavra ou outra. Às vezes, eu pergunto se, num jogo desta intensidade, o futebol não é este tipo de momentos".

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Aves

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.