Decisões tomadas pela FPF no futsal “reforçam substancialmente os argumentos" do Olhanense

Sublinha o presidente da SAD, Luís Torres

O presidente da SAD do Olhanense, Luís Torres, considera que as decisões tomadas pela FPF no que concerne ao futsal “reforçam substancialmente os nossos argumentos na luta por justiça no desfecho do Campeonato de Portugal”.

“A FPF decidiu alargar a 1ª Divisão de futsal e vai promover um playoff de subida, quando não se sabe em que data estarão reunidas as condições para o regresso das modalidades de pavilhão, mas não pode promover um playoff no futebol, em estádios que vão receber em breve jogos da 1ª Liga?”, questiona o dirigente dos rubronegros.

Luís Torres adianta que “o recurso das decisões que promoveram Vizela e Arouca no dia 2 de março foi ganho e por isso a FPF optou por alterar o regulamento, no dia 14, já após o fim do estado de emergência e sem legitimidade para tal”. O dirigente acredita “no sucesso do novo recurso” e, caso tal não suceda, promete “avançar para o TAD, tribunais civis, UEFA e FIFA se não for reposta a justiça, com a subida dos líderes das Séries C e D, Praiense e Olhanense”. 

Por Armando Alves
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Campeonato de Portugal

Vizela renova com Kiko

Defesa-central de 20 anos tem lugar garantido no plantel que estará às ordens de Álvaro Pacheco

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0