Fafe defende liderança frente ao Pedras Rubras

Treinadores Frederico Ricardo e António Pedro fazem antevisão da partida

A AD Fafe recebe este domingo o Pedras Rubras, numa partida que será transmitida em direto e em exclusivo na CMTV a partir das 15h. Na frente da Zona Norte, com 11 pontos, a AD Fafe tem um teste importante para alimentar a sua aspiração de disputar a II Liga na próxima época. O Pedras Rubras tem também uma palavra a dizer nesta partida. Os técnicos Frederico Ricardo e António Pedro partilham a forma como Fafe e Pedras Rubras estão a preparar a jornada 6 da Fase de Subida.

Vencer mais uma final

O treinador-adjunto Frederico Ricardo volta a assegurar o comando da AD Fafe na ausência de Agostinho Bento, por motivos de saúde, dando conta que "a equipa está motivada e preparada, consciente que é um jogo que nos vai trazer muitas dificuldades, como todos os jogos nesta fase, mas com a certeza do nosso valor e daquilo que queremos", afirma.

Os objetivos passam pela conquista de mais três pontos e a manutenção da "liderança do campeonato". Frederico Ricardo atesta igualmente a forma como a partida está a ser preparada pela equipa: "como todos os outros jogos, com rigor, entrega total e concentração absoluta", explica.

O técnico da equipa fafense deixa claro que a subida à II Liga é um objetivo delineado desde o início da época mas reconhece que "o campeonato é extremamente competitivo, e qualquer equipa pode ambicionar ficar nos dois primeiros lugares". O caminho para atingir, segundo Frederico Ricardo, é apenas um: "encarando cada jogo como uma final".

Com o treinador Agostinho Bento ainda impedido de dar o seu contributo à equipa, a AD Fafe está motivada e ainda mais unida para entrar em campo, conquistar os três pontos e dedicar o triunfo ao seu treinador. "O objetivo para o jogo com o Pedras Rubras passa por conquistarmos mais três pontos. Todos os elementos da AD Fafe que fazem parte deste projeto, incluindo, como é óbvio, o líder do grupo, Agostinho Bento, quer vencer mais uma final. É um percurso difícil mas só juntos conseguiremos estar mais perto do sucesso", sintetiza Frederico Ricardo.

Fazer um jogo positivo

O Pedras Rubras quer voltar às vitórias no Campeonato de Portugal Prio, resultado que ainda não atingiu na 2.ª Fase da prova. Apesar de enfrentar o líder da Zona Norte, a equipa não vai mudar a estratégia de jogo. "A estratégia passa por fazer um jogo positivo, tentando deixar uma boa imagem da nossa organização coletiva, da qualidade do nosso jogo e dos nossos jogadores", afirma o treinador do Pedras Rubras, António Pedro.

Depois de ser ter classificado em 2.º lugar na Série C na 1.ª Fase da prova, o treinador reconhece que tem faltado à equipa "ser mais consistente nas suas tarefas e nos seus comportamentos durante o jogo". O líder deixa ainda a receita para o sucesso: "temos de aproveitar de forma mais eficaz as oportunidades de golo que criamos e temos de reduzir os erros que cometemos e que nos têm penalizado de forma efetiva". O técnico deixa claro que o Pedras Rubras "quer ficar na melhor classificação possível" e promete "dar o melhor em todos jogos". Mostra-se ainda confiante que os seus comandados vão "ultrapassar este momento menos positivo".

Com o objetivo da época já conquistado – a manutenção -, António Pedro elogia "o excelente trabalho desenvolvido por toda a estrutura do futebol e, em particular, pelos jogadores – são fantásticos no trabalho que realizam". Subir à II Liga seria a concretização de um sonho. O treinador da equipa da Maia lembra que a equipa técnica que lidera "já contribuiu para duas subidas de divisão em contextos bem menos favoráveis" e aponta que "o fundamental para o clube é continuar a participar de forma regular e constante nos campeonatos nacionais". Este objetivo está, aliás, assegurado pelo terceiro ano consecutivo.

Balanço positivo da prova

Os técnicos do Fafe e do Pedras Rubras coincidem na avaliação positiva ao Campeonato de Portugal Prio. Frederico Ricardo salienta que a prova "é composta por excelentes equipas, onde militam jovens com muito valor, que todas as semanas demonstram toda a sua qualidade". Esta realidade lava-o a considerar esta competição como "uma excelente rampa de lançamento para os clubes, treinadores e atletas". Por seu turno, António Pedro concorda que o Campeonato de Portugal Prio "é claramente uma ‘rampa de lançamento’ para os jogadores portugueses que participam na prova", indicando que "existem jogadores com qualidade suficiente para marcarem presença em campeonatos profissionais e de maior exigência".

A transmissão de jogos na CMTV é vista, mais do que fator adicional de motivação, como um importante canal de divulgação. O treinador-adjunto da AD Fafe destaca as transmissões como "um fator de promoção da AD Fafe e dos seus atletas", enquanto o técnico do Pedras Rubras destaca "o enorme mediatismo" do futebol e considera que a transmissão televisão do jogo acaba por ser "um motivo de orgulho e de satisfação".

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Campeonato de Portugal

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.